X
Polícia

Casal de Guarujá perde mais de R$ 1.000 após cair no golpe do ovo

A vítima também relatou que o marido chegou a ligar para amigos policiais e, segundo eles, por volta de 13h40 o carro foi avistado por um radar de inteligência em Praia Grande, onde eles teriam aplicado o golpe em outra vítima

Casal de Guarujá perde mais de R$ 1.000 após cair no golpe do ovo / Reprodução

Um casal foi vítima de golpe um golpe e pagou R$1.016 por uma bandeja de ovos que custava R$16, na Vila Santa Rosa, em Guarujá. A mulher, que preferiu não ser identificada, disse que não costuma comprar nada na porta de casa, mas escutou o veículo anunciando os ovos e pediu para o marido comprar os produtos.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

Segundo o relato da vítima, seu marido chamou o rapaz na porta de casa. O vendedor foi atendê-lo, mas parou o carro um pouco mais distante, fora do alcance da câmera de monitoramento da residência deles.

Ainda segundo a vítima, o vendedor questionou sobre a forma de pagamento e o marido da mulher respondeu ser por aproximação, mas o rapaz disse que não passava. A vítima, então, disse que colocaria a senha, e o vendedor digitou R$16 na máquina de cartão, mostrou para a vítima, que colocou a senha.

Conforme registrado no boletim de ocorrência, o vendedor ambulante apresentou uma máquina de cartão com um visor que dificultava a vítima visualizar o valor debitado, porém, a senha foi digitada e, depois, foi constatado que o valor superior ao que deveria ser cobrado.

O golpe

A mulher afirma que o rapaz contou para o marido dela que estava usando aquele carro provisoriamente, porque o outro estava ruim e havia quebrado, mas que depois iriam voltar a utilizar outro veículo.

Ela explica que só percebeu o golpe minutos depois, porque o filho dela comentou que a vizinha da frente estava esperando o carro do ovo retornar, mas ele não voltou.

Ao que ela começou a desconfiar do vendedor, decidiu verificar o seu extrato bancário — dado que o marido não havia pegado a nota de papel após a compra. Quando a mulher checou o histórico de compras do cartão, percebeu que havia sido vítima de um golpe, o vendedor havia levado mais de mil reais na compra.  

A vítima também relatou que o marido chegou a ligar para amigos policiais e, segundo eles, por volta de 13h40 o carro foi avistado por um radar de inteligência em Praia Grande, onde eles teriam aplicado o golpe em outra vítima.

Segundo ela, o banco afirmou que iria ressarcir o valor em até 7 dias, e realizaria uma investigação. Após essa apuração, iriam decidir e lhe comunicar se o dinheiro ficaria na sua conta ou não.

O caso ocorreu na última segunda-feira (16) sendo registrado como Estelionato na Delegacia de Guarujá.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Praia Grande

Caminhada da Adoção pretende mobilizar pessoas e informar sobre o tema

Evento acontecerá no dia 10 de julho, na praia do Bairro Canto do Forte, em Praia Grande

Educação

Bertioga abre matrículas para Educação de Jovens e Adultos

As aulas iniciam no segundo semestre, de segunda a sexta-feira, das 19 às 22h30

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software