No GP do Brasil, Domenicali pede "algo a mais" a Massa na despedida

Esta será a última corrida do brasileiro pela montadora italiana, que voltará a contar com o renomado finlandês Kimi Raikkonen

Comentar
Compartilhar
19 NOV 201318h12

Diretor-esportivo da Ferrari, Stefano Domenicali acha que Felipe Massa fará de tudo para ser campeão do GP do Brasil, no próximo domingo. Esta será a última corrida do brasileiro pela montadora italiana, que voltará a contar com o renomado finlandês Kimi Raikkonen na temporada que vem.

“Estou certo de que o Felipe vai dar o seu melhor para acabar com seu tempo pela Ferrari em grande estilo. Ele vai encontrar algo extra dentro de si mesmo, em termos de desempenho”, analisou Domenicali, que fez questão de elogiar a tradicional emoção proporcionada pelo autódromo de Interlagos.

De acordo com o chefe do time, os torcedores poderão ajudar Massa em sua despedida do carro vermelho. “Ele sempre se deu bem nessa pista, onde o calor dos fãs vai ser uma motivação incrível pra ele. Vai ser um fim de semana muito emocionante para todos nós”, projetou.

Domenicali acha que Massa dará seu máximo durante despedida oficial da Ferrari, no Brasil (Foto: Associated Press)

Já acertado com a Williams para 2014, Felipe Massa amarga a oitava colocação do Mundial de Fórmula 1, em que o alemão Sebastian Vettel, da Red Bull, já confirmou o tetracampeonato. A última vitória do piloto foi justamente no Brasil, em 2008.

Na ocasião, o brasileiro disputava o título mundial com o inglês Lewis Hamilton, que acabou ganhando algumas posições nas últimas voltas de Interlagos e conquistou o Mundial com apenas um ponto de vantagem sobre Massa. A contagem final acabou em 98 a 97 para o piloto da McLaren.