FPF afasta árbitro que apitou pênaltis para o Corinthians no sábado

Os dois gols do Corinthians no jogo foram marcados em pênaltis duvidosos em cima do centroavante peruano Paolo Guerrero, ambos convertidos pelo lateral esquerdo Fábio Santos

Comentar
Compartilhar
16 FEV 201516h50

A má atuação do árbitro Marcelo Prieto Alfieri na vitória do Corinthians sobre o Botafogo-SP, por 2 a 1, não passou impune. A Federação Paulista de Futebol (FPF) decidiu afastar o profissional por tempo indeterminado após as críticas das duas equipes na partida de sábado, em Itaquera.

O Botafogo-SP foi o time que mais reclamou. Os dois gols do Corinthians no jogo foram marcados em pênaltis duvidosos em cima do centroavante peruano Paolo Guerrero, ambos convertidos pelo lateral esquerdo Fábio Santos. Na avaliação da comissão de arbitragem da FPF, o primeiro foi inexistente e o segundo acabou assinalado de maneira acertada.

Pênalti sobre Guerrero já nos acréscimos da partida definiu a vitória corintiana (Foto: Daniel Augusto Jr/Divulgação/Agência Corinthians)

Do lado do Corinthians, a irritação se deu em função do lance que originou o gol do Botafogo-SP. Alfieri havia inicialmente indicado lateral para o time da casa, porém aceitou a cobrança da equipe visitante. O técnico Tite também ficou indignado com o excessivo número de cartões amarelos mostrados pelo árbitro.