Corinthians inicia maratona no Paulistão contra Capivariano

O jogo diante do Capivariano, às 16 horas (de Brasília), na Arena Capivari, é o primeiro de quatro compromissos do Alvinegro em oito dias

Comentar
Compartilhar
22 MAR 201513h22

Em situação tranquila com os 100% de aproveitamento em seu grupo na Copa Libertadores da América, o Corinthians inicia neste domingo uma maratona no Campeonato Paulista. O jogo diante do Capivariano, às 16 horas (de Brasília), na Arena Capivari, é o primeiro de quatro compromissos do Alvinegro em oito dias.

Em função do remanejamento de seus jogos na época em que disputou a pré-Libertadores, o Corinthians atuará depois contra a Portuguesa (na terça-feira), Penapolense (quinta) e Bragantino (no domingo seguinte).

“A forma como vamos conciliar e tentar ajustar é um grande desafio nosso. Vou fazer as três substituições nas partidas. Se não forem trocas de cunho técnico e tático, serão pelo físico”, afirmou o técnico Tite.

Tite colocará seu time em quatro jogos em apenas oito dias neste Campeonato Paulista (Foto: Agência Corinthians)

O Corinthians chegou a pedir à Federação Paulista de Futebol a antecipação do jogo contra o Capivariano e a permissão para inscrever novos atletas (o limite no Estadual é de 28 nomes), mas ambas as solicitações foram recusadas.

Para complicar ainda mais, Tite não conta com Elias e Gil, que estão a serviço da Seleção Brasileira. Os outros desfalques são Fábio Santos e Mendoza, lesionados. A tendência é de que o Corinthians utilize times com bases diferentes. Uma formação jogaria contra Capivariano e Penapolense, enquanto outra escalação seria usada diante de Portuguesa e Bragantino.

Apesar do desgaste pela sequência, o Alvinegro passa pelo menos por situação confortável no Paulistão, pois é o líder do grupo 2, com 23 pontos, mesmo tendo uma partida a menos do que os concorrentes de chave.

Já o Capivariano tem 12 pontos e luta pela vaga no grupo 4, que já tem o Santos classificado antecipadamente. O clube do interior tem um ânimo a mais para o jogo contra o Corinthians, já que conseguiu no meio de semana a classificação para a segunda fase da Copa do Brasil, eliminando o Caxias.