Brasil reedita oitavas do Mundial em último teste para Copa América

Dunga quer aproveitar para fazer observações antes definir a lista para a Copa América - a convocação sai em maio e o torneio começa em 11 de junho

Comentar
Compartilhar
29 MAR 201500h49

Em uma reedição das oitavas de final do Mundial 2014, a Seleção Brasileira enfrenta o Chile às 11 horas (de Brasília) deste domingo, em Londres. O jogo será o último antes da divulgação dos convocados para a disputa da Copa América 2015, a ser realizada justamente no Chile.

O time brasileiro está embalado após vencer a França por 3 a 1 na última quinta-feira. De virada, com gols de Oscar, Neymar e Luiz Gustavo, a equipe comandada pelo técnico Dunga ganhou dos donos da casa no Stade de France, palco da derrota na final da Copa do Mundo 1998.

Em função do pouco tempo de descanso ente os dois amistosos, Dunga deve promover algumas mudanças no time para o duelo com o Chile. O treinador ainda quer aproveitar para fazer observações antes definir a lista para a Copa América - a convocação sai em maio e o torneio começa em 11 de junho.

“Vou dar oportunidades a jogadores que estão vindo bastante à Seleção, mas têm tido pouco espaço. Chegou a hora de dar espaço a esses atletas. Alguns estão em final de temporada e, com a Copa América chegando, é preciso pensar neles”, declarou Dunga.

Na vitória sobre a França, o técnico apostou em Roberto Firmino (que elogiou) como substituto do lesionado Diego Tardelli ao lado de Neymar no ataque do Brasil. A surpresa ficou por conta da entrada de Elias no meio-campo, no lugar que seria de Fernandinho.

O último confronto entre Brasil e Chile, pelas oitavas de final da Copa do Mundo 2014, foi decidido apenas nos pênaltis. Depois de um empate por 1 a 1 no Estádio do Mineirão, o lacrimejante time dirigido pelo técnico Luiz Felipe Scolari levou a melhor.

Empossado como treinador da Seleção Brasileira após o último Mundial, Dunga está invicto desde então. Com 100% de aproveitamento em sete confrontos, o ex-meio-campista já ganhou de Colômbia, Equador, Argentina, Japão, Turquia, Áustria e França.

Dunga deve promover algumas mudanças no time para o duelo com o Chile (Foto: Rafael Ribeiro/CBF)

Em preparação para jogar como país-sede da Copa América, o Chile também entrou em campo na última quinta-feira e, atuando na cidade austríaca de Viena, acabou derrotado por 2 a 0 pelo Irã. Insatisfeito, o técnico Jorge Sampaoli pretende mexer no time.

O esquema 4-3-3, utilizado contra o Irã, deve ser trocado pelo 3-4-1-2. A tendência é que Arturo Vidal, poupado no último amistoso, comece como titular. Assim como Jaime Valdes, que jogaria no meio ao lado de David Pizzarro, utilizado apenas no segundo tempo do jogo de quinta-feira.

“Teremos uma linda partida contra o Brasil para superar a derrota e continuar a preparação para nosso desafio na Copa América”, disse Arturo Vidal, da Juventus, escalado na derrota diante da Seleção nas oitavas de final do Mundial. O palmeirense Valdivia foi convocado, mas não deve entrar em campo.

FICHA TÉCNICA
BRASIL X CHILE

Local: Emirates Stadium, em Londres (Inglaterra)
Data: 29 de março de 2015, domingo
Horário: 11 horas (de Brasília)
Árbitro: Não divulgado

BRASIL: Jefferson; Danilo, Thiago Silva, Miranda e Marcelo (Filipe Luís); Fernandinho (Luiz Gustavo), Elias, Oscar e Willian; Neymar e Luiz Adriano (Roberto Firmino)
Técnico: Dunga

CHILE: Claudio Bravo; Gary Medel, Mauricio Isla, Gonzalo Jara; Charles Aránguiz, David Pizarro, Jaime Valdés, Eugenio Mena; Arturo Vidal; Alexis Sánchez e E. Vargas
Técnico: Jorge Sampaoli