Após vitórias, Santos e Mogi duelam no “iluminado” Romildo Ferreira

O duelo promete ser quente, já que as duas equipes venceram na estreia e dividem a lideranças de seus respectivos grupos

Comentar
Compartilhar
04 FEV 201516h20

Apenas três dias após o início do Paulistão, Santos e Mogi Mirim já voltam a campo nesta quarta-feira, às 22 horas (de Brasília), pela 2ª rodada da competição que abre a temporada no Estado. E o duelo promete ser quente, já que as duas equipes venceram na estreia e dividem a lideranças de seus respectivos grupos. O Peixe passou com facilidade pelo Ituano: 3 a 0 na Vila. Mas o Sapo não deixou por menos e bateu o XV de Piracicaba por 1 a 0 longe de seus domínios, o que torna os pontos conquistados ainda mais importantes.

O alvinegro praiano não deve ter mudanças significativas. Vanderlei e Marquinhos Gabriel podem integrar o grupo, já que ainda não estavam com as documentações realizadas no último domingo. Porém, apenas o goleiro deve receber a primeira chance de iniciar jogando na vaga de Vladimir. Valencia, reforço colombiano para o meio de campo, segue fora para adquirir o condicionamento físico ideal.

Outro que pode aparecer na equipe é Cicinho. O lateral tem sofrido com dores musculares e Victor Ferraz, por ora, faz a função pela direita.

No restante, Alison, Renato e Lucas Lima seguem no abastecimento de Geuvânio, Thiago Ribeiro e Robinho. O camisa 7 tem feito a função de um falso centroavante, muitas vezes atuando como pivô, enquanto os pontas recompõem a marcação junto aos laterais e aparecem com velocidade no ataque.

Outra arma forte que se apresenta neste Santos 2015 é força de Chiquinho, pela esquerda. O jogador foi o único reforço a começar o ano como titular e saiu de campo aplaudido após uma bela participação e um golaço anotado no primeiro tempo.

Enderson Moreira ainda tem Ricardo Oliveira e Elano no banco de reservas e ambos devem entrar novamente no decorrer do confronto. O camisa 9 inclusive não vê a hora de assumir a titularidade do comando do ataque.

O técnico Enderson Moreira deverá repetir o time da estreia do Paulistão diante do Mogi Mirim (Foto: Divulgação/SFC)

Mogi Mirim

O time de Mogi chega para o duelo preparado para surpreender. A equipe deve ser a mesma que bateu o XV de Piracicaba logo na estreia, fora de casa, e sabe que um bom resultado, até mesmo um empate nesta quarta-feira, pode provar que a equipe tem forçar para lutar por uma vaga na fase final da competição.

A grande novidade, no entanto, não é nenhum grande jogador ou esquema tático. Contra o Santos, o Sapo vai estrear a nova iluminação do estádio Romildo Ferreira, sempre muito criticado pelos adversários.

Tratada como prioridade pelo presidente Rivaldo, todo o conjunto de luminárias foi trocado. Além disso, agora há iluminação dos dois lados do campo. Antes, apenas o lado oposto às cabines de transmissão recebiam torres com as luminárias. Serão 120 luminárias que contemplam todo o campo de forma uniforme e eficaz.

Os primeiros testes foram feitos nesta terça-feira, quando o time marcou até um treino noturno para se habituar à mudança.