X
Economia

Receita libera consulta a lote de restituições da malha fina

Mais de 78 mil contribuintes serão contemplados. Os depósitos, que somam R$ 180 milhões, serão feitos no dia 16 de abril

A Receita Federal abre às 9h desta segunda-feira (9) a consulta ao lote multiexercício de restituição do Imposto de Renda / Divulgação

A Receita Federal abre às 9h desta segunda-feira (9) a consulta ao lote multiexercício de restituição do Imposto de Renda.

A consulta contemplará as restituições residuais -declarações que estavam presas na malha fina- referentes aos anos de 2008 a 2017. As declarações estavam presas devido a incorreções ou inconsistências nas informações prestadas pelos contribuintes. Com a retificação, o dinheiro é liberado. As restituições serão corrigidas pela Selic.

Mais de 78 mil contribuintes serão contemplados. Os depósitos, que somam R$ 180 milhões, serão feitos no dia 16 de abril.

Os montantes para cada exercício e taxa Selic aplicada podem ser consultados no site da Receita Federal.

Para saber se sua declaração foi liberada, o contribuinte pode fazer uma consulta no site ou aplicativo da Receita ou ligar para o Receitafone (146).

Caso o valor não seja creditado, o contribuinte poderá contatar pessoalmente qualquer agência do Banco do Brasil ou ligar para a Central de Atendimento por meio do telefone 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos) para agendar o crédito em conta-corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

ELEIÇÕES 2022

Janones critica 'arrogância' de discurso da esquerda no Twitter

'Arrogância de setores da elite intelectual não lhes permite compreender que João Gomes forma mais opinião que Chico e Caetano', escreveu

Meio Ambiente

Desmatamento na Amazônia caminha para se tornar incontrolável, dizem especialistas

Com os níveis atuais de desmatamento registrados -com diversos meses com destruição amazônica acima dos 1.000 km²-, os compromissos climáticos internacionais do Brasil podem ficar em xeque, especialmente a redução da emissão de gases-estufa

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software