Pandemia traça novo perfil devedor do brasileiro

Em abril, o percentual de famílias endividadas bateu recorde e chegou a 67,5% no país

Comentar
Compartilhar
06 MAI 2021Por Da Reportagem12h42
Pesquisa mensal da CNC revela que este é o quinto mês consecutivo que o número de endividados cresce no país.Pesquisa mensal da CNC revela que este é o quinto mês consecutivo que o número de endividados cresce no país.Foto: DIVULGAÇÃO

As dificuldades causadas pela pandemia, os altos índices de desemprego e a falta de respaldo financeiro do governo para os mais carentes são os principais vilões na hora de manter as contas em dia. Em recente pesquisa realizada pela CNC (Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo) ficou constatado que o percentual de brasileiros endividados bateu recorde e alcançou 67,5% do total de famílias, uma alta de 0,2 ponto percentual em relação a março e de 0,9 em relação ao mesmo período do ano passado. Este é o quinto mês consecutivo de alta no número de endividados no país. 

Para Silvia Verreschi, CEO do Grupo Verreschi Advogados, especializado em soluções jurídicas e tecnológicas na negociação de dívidas e recuperação de crédito, o mercado está sofrendo com o efeito cascata da cadeia econômica. “O pequeno e médio empresário está com dificuldades para conseguir novos créditos e não consegue arcar com todas suas despesas, com isso precisa demitir funcionários que, por sua vez, não conseguirão uma recolocação e sem emprego deixam de pagar suas dívidas”, explica. 

Através da escoragem de crédito é possível identificar aquele devedor corriqueiro e aquele que nunca enfrentou problemas financeiros e, agora, em meio à crise se vê diante dessa adversidade. Neste cenário, está surgindo o novo perfil do devedor, ou seja, aquele que acontece de forma involuntária, algo “imposto” pela pandemia. 

“Nossa função é oferecer alternativas durante as negociações e, de certa forma, privilegiar esse “novo devedor” com abordagens mais sutis, que compreendam o momento atual, através do tratamento individual e humanizado”, destaca Verreschi. 

Por meio de estudos e conversas diárias com sua rede de clientes, o Grupo Verreschi Advogados conseguiu traçar metas e propor soluções adequadas para os diferentes casos e perfis devedores que surgiram durante a pandemia. Atualmente, entre as opções ofertadas pela empresa durantes as negociações, podemos citar: prazo estendido em número de parcelas, período de carência, com pagamento nos meses subsequentes e a revisão de situações que inicialmente resultariam em processos para recuperar um bem.