X
DOAÇÃO

Dia de Doar! Cultura da doação pode ser implantada na rotina

Com a crise econômica e a pandemia, a cultura da doação se tornou ainda mais importante para a sociedade

Comemorado em 30 de novembro, o Dia De Doar é um movimento para promover a generosidade / Reprodução

Comemorado em 30 de novembro, o Dia De Doar é um movimento para promover a generosidade, por meio da conexão de pessoas com causas. Atualmente, é celebrado em 85 países, mas nasceu nos Estados Unidos, em 2012. No Brasil, acontece desde 2013, e a última edição arrecadou mais de R$ 2 milhões em doações online e alcançou mais de 28 milhões de pessoas, por meio das redes sociais, segundo a organização do evento.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

Com a crise econômica e a pandemia, a cultura da doação se tornou ainda mais importante para uma sociedade mais unida, justa e solidária. No entanto, a doação vai muito além de dinheiro. Pensando nisso, o Instituto Devolver lista 5 dicas para quem deseja implementar a cultura na sua rotina e na vida das pessoas à sua volta.

Em uma sociedade cada vez mais ocupada, vivendo em ritmo acelerado, o tempo se tornou algo precioso. Com isso, não percebemos que muitas pessoas precisam de atenção, de serem ouvidas, de um pouco da sua escuta e dedicação. Portanto, preste atenção ao seu redor e veja se tem alguém precisando de ajuda. Devemos nos preocupar com o próximo todos os dias, e não apenas em datas específicas, como no Setembro Amarelo, Outubro Rosa e Dia das Crianças, por exemplo. A doação do seu tempo já é um bem que você faz para a sociedade.

Caso você queira participar efetivamente do Dia De Doar e, mais do que isso, começar a implementar a cultura da doação na sua rotina, mas não tem como ajudar com dinheiro, doe aquilo que não usa mais! Pode ser algum item guardado no armário há mais de um ano, por exemplo. Caso tenha filhos, primos ou sobrinhos mais novos, incentive-os a doarem brinquedos e materiais escolares que não utilizam mais, pois os pequenos devem entender a importância da solidariedade desde a infância.

A fome ainda é um problema que assola o mundo e, no Brasil, a situação não é muito diferente. De acordo com o estudo divulgado pela Rede Brasileira de Pesquisa em Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional, em 2021, mais de 20 milhões de pessoas passam fome no Brasil. Por isso, sempre que possível, ajude o próximo com alimentos, pois, por mais que para muitas pessoas isso seja algo banal do dia a dia, para outros é questão de sobrevivência.

Apesar de incentivar que ONGs, projetos sociais e órgãos públicos participem da ação, o Dia De Doar é voltado para toda a população. Por isso, o principal objetivo é incentivar as pessoas a promoverem ações de solidariedade em suas comunidades, seja criando um bazar solidário, arrecadando alimentos no bairro, ajudando as pessoas necessitadas mais próximas ou, até mesmo, promovendo a importância da doação. No portal do Dia De Doar é possível encontrar todo o material necessário para quem deseja participar, se apropriar e criar a sua própria iniciativa.

Caso queira doar, mas não sabe como e nem para quem, os projetos sociais e ONGs são excelentes alternativas. O Instituto Devolver, por exemplo, realiza o E-Commerce Social, criado para dar transparência ao doador, por meio de uma lista de necessidades das instituições certificadas. Desde a sua fundação, em 2018, já foram arrecadados mais de R$ 1,2 milhão em doações, valor revertido em cestas básicas, material de higiene e limpeza e material escolar às crianças, jovens e famílias das casas credenciadas. Para doar, basta acessar o site, escolher o produto e/ou instituição e finalizar a ‘compra’. O instituto se responsabiliza pela entrega e envia o comprovante ao comprador. 

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Polícia

Polícia Civil desmonta laboratório de drogas em São Vicente

Durante ação em combate ao tráfico, equipe apreendeu grande quantidade de crack, cocaína, lança-perfume e maconha 

Santos

Condomínio é multado em mais de R$ 4 mil após zelador despejar tinta e atingir canal de Santos

Funcionário foi identificado pelas câmeras do CCO ao descartar a substância na rede pluvial na Praça Washington, no José Menino

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software