X
Cotidiano

Vai-Vai conquista carnaval com virada no último quesito

Este foi o 15º título da Vai-Vai, a maior campeã da história do carnaval de São Paulo. A Rosas de Ouro ficou em terceiro lugar

Em uma disputa emocionante, a Vai-Vai conquistou o carnaval de São Paulo 2015 com 269,9 pontos. O resultado só foi definido no último quesito, o de Evolução, quando a escola de samba ultrapassou a rival Mocidade Alegre, campeã de 2014, que ficou com 269,6 pontos. Este foi o 15º título da Vai-Vai, a maior campeã da história do carnaval de São Paulo. A Rosas de Ouro ficou em terceiro lugar.

Com o enredo "Simplesmente Elis - A fábula de uma voz na transversal do tempo", a Vai-Vai fez um tributo à obra de Elis Regina e contou com Maria Rita e João Marcelo Bôscoli, filhos da cantora, durante o desfile, realizado na madrugada de sábado (14) para domingo (15).

"Todo carnaval que a Vai-Vai ganhou, foi homenageando pessoas. Este é o caminho da Vai-Vai", comentou o diretor de bateria da escola, Mestre Thadeu, em entrevista à TV Globo. O último título da agremiação havia sido em 2011, com uma homenagem ao trabalho do maestro João Carlos Martins. Tradicional escola do Bixiga, bairro da capital paulista, a Vai-Vai completou 85 anos em 2015.

A Vai-Vai fez um tributo à obra de Elis Regina e contou com Maria Rita e João Marcelo Bôscoli, filhos da cantora, durante o desfile (Foto: Robson Fernandjes/LIGASP/Fotos Públicas)

Rebaixadas

Tom Maior e Mancha Verde foram as escolas que menos pontuaram no carnaval de São Paulo 2015 e, por isso, deixam o Grupo Especial. Elas vão desfilar no Grupo de Acesso em 2016.

Com um enredo sobre o sentimento de adrenalina, considerado confuso, a Tom Maior foi prejudicada principalmente pela quebra do carro de abre-alas. No total, marcou 267,7 pontos. Já a Mancha Verde, que havia subido do Grupo de Acesso no ano passado ficou com 267,9 pontos.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

São Vicente

Circuito Sesc de Artes promove espetáculos para população nesta sexta-feira (12)

Evento será na Praça 22 de Janeiro, das 16h às 23h, com programação para todas as idades

ENTREVISTA

Mellão diz que Márcio França trata Senado como 'prêmio de consolação'

Em entrevista exclusiva, pré-candidato ao Senado pelo Novo diz que Márcio França e Edson Aparecido não têm perfil para o cargo; veja

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software