Tornados nos EUA destroem casas e capotam carros em Estados da região central

A área mais afetada foi a de Oklahoma, com casas destruídas em regiões como Bridge Creek (25 residências), Amber (10) e Blanchard (sem dados), no sudoeste da cidade

Comentar
Compartilhar
07 MAI 201513h19

Uma série de tornados atingiu, nesta quinta-feira, a região sul da cidade de Oklahoma, no centro-oeste dos Estados Unidos, e causou o capotamento de carros e a destruição de dezenas de casas. Áreas rurais dos Estados de Kansas e Nebraska também foram atingidas. Nenhuma morte foi registrada.

A área mais afetada foi a de Oklahoma, com casas destruídas em regiões como Bridge Creek (25 residências), Amber (10) e Blanchard (sem dados), no sudoeste da cidade. Segundo o Serviço Nacional de Meteorologia, outro tornado passou por Oklahoma na noite de quarta-feira, em meio a uma tempestade. De acordo com o meteorologista Michael Scotten, a tempestade capotou veículos na rodovia interestadual 35 e deixou vários trechos da estrada sem energia elétrica.

Lara O'Leary, porta-voz da Autoridade de Serviços Médicos Emergenciais (EMSA, na sigla em inglês), informou que 12 pessoas foram retiradas de um trailer e levadas a um hospital local, sem dar mais detalhes sobre os ferimentos dos pacientes. Lara disse ainda que o serviço de emergência tem atendido a pedidos de água em toda a região.

O Centro de Previsões de Tempestades dos Estados Unidos alertou que o mau tempo pode chegar à região de Tornado Alley (termo usado para se referir à área do central do país e que cobre vários Estados onde tornados ocorrem com frequência) e que mais tempestades são aguardadas até o fim de semana, alimentando preocupações.

Em Nebraska, de 10 a 15 casas foram danificadas. Pelo menos nove tornados foram relatados em Kansas, com o mais forte deles no centro-norte do Estado, uma área pouco povoada.