Síria: 380 mil precisam de abrigo no exterior, diz Anistia Internacional

A Anistia afirma que cerca de 80 mil encontraram asilo em outros países, enquanto 300 mil continuam em situação precária

Comentar
Compartilhar
04 FEV 201517h40

A Anistia Internacional pede a nações desenvolvidas que aceitem centenas de milhares de refugiados sírios porque a segurança deles não é garantida na região.

Segundo relatório da entidade baseada em Londres, cerca de 380 mil dos quase 4 milhões de refugiados que estão no Líbano, Jordânia e Turquia deveriam ser realocados no exterior por estarem em situação de alto risco por serem homossexuais, sobreviventes de estupro, tortura ou ainda crianças sem pais ou que precisam de tratamento médico.

A Anistia afirma que cerca de 80 mil encontraram asilo em outros países, enquanto 300 mil continuam em situação precária.

Colunas

Contraponto