Operação deve voltar dia 26

A expectativa é da Desenvolvimento Rodoviário S.A (Dersa) — administradora do sistema no litoral paulista

Comentar
Compartilhar
02 MAR 201320h35

A travessia de balsas Guarujá-Bertioga, interditada pela Capitania dos Portos de São Paulo desde o último dia 4, deverá voltar a operar no próximo dia 26. A expectativa é da Desenvolvimento Rodoviário S.A (Dersa) — administradora do sistema no litoral paulista.

A interdição da travessia foi determinada pela Capitania dos Portos para reparos nos pontos de atracação. No último dia 5, a Dersa informou, em nota, que a operação retornaria em aproximadamente cinco dias.

Já para atender os pedestres, a Dersa disponibilizou uma embarcação de pequeno porte, que funciona das 6 à meia-noite. A passagem é gratuita.

A travessia Guarujá-Bertioga transporta, em média, 600 veículos por dia. Com a interdição, a alternativa para os motoristas é a Rodovia Cônego Domênico Rangoni (SP-55).