Número de casos de dengue cresce 171% na capital paulista em relação a 2014

Neste ano, foram 220 pessoas infectadas ante 81 no mesmo período de 2014. O número de notificações de casos suspeitos também aumentou de maneira significativa

Comentar
Compartilhar
12 FEV 201519h18

 O número de casos de dengue registrados na cidade de São Paulo nas quatro primeiras semanas do ano cresceu 171% em relação ao mesmo período do ano passado, segundo balanço divulgado pela Secretaria Municipal da Saúde na tarde desta quinta-feira.

Neste ano, foram 220 pessoas infectadas ante 81 no mesmo período de 2014. O número de notificações de casos suspeitos também aumentou de maneira significativa. Passou de 743 para 1.368 entre um ano e outro. Há uma morte sendo investigada.

A secretaria informou que os três distritos com maior incidência são Limão, Jaraguá e Brasilândia, todos na zona norte.

O secretário adjunto da saúde, Paulo Puccini, voltou a afirmar que o calor e o armazenamento de água pela população por causa da crise hídrica são os principais fatores que explicam a alta da dengue e a sua predominância na região norte, a mais afetada pela falta de água. "A alta que a gente aguardava para a 15ª semana do ano parece estar se antecipando e é motivo de preocupação em todo o Estado. Por isso é preciso tomar os cuidados necessários no armazenamento de água."

O número de casos de dengue cresceu 171% na capital paulista  (Foto: Divulgação/PMI)

Colunas

Contraponto