Mais de 10 mil munícipes são imunizados contra a gripe Influenza em Santos

A movimentação foi intensa nos 50 postos montados, entre fixos (41) e volantes (9), onde trabalharam cerca de 400 pessoas

Comentar
Compartilhar
09 MAI 201519h51

No Dia de Mobilização Nacional da Campanha de Vacinação contra a Influenza (vírus da gripe), neste sábado (9), Santos registrou 10.086 munícipes imunizados. Este é o balanço prévio da Secretaria de Saúde (SMS), que soma 19.419 doses já aplicadas na cidade desde o início da campanha, no último dia 4. A meta é vacinar, gratuitamente, 133.346 pessoas (80% da população dos grupos prioritários).

A movimentação foi intensa nos 50 postos montados, entre fixos (41) e volantes (9), onde trabalharam cerca de 400 pessoas. “Esse número foi além das expectativas e mostra que a população percebeu a importância da vacinação na prevenção da gripe. O trabalho continua nas unidades, para o bem da saúde pública”, afirmou a coordenadora de Vigilância em Saúde, da SMS, Ana Paula Valeiras. A campanha vai até dia 22 nas unidades básicas de Saúde (UBS) e de Saúde da Família (USF), de segunda a sexta-feira, das 9h às 16h.

Na UBS do Marapé (Rua São Judas Tadeu, 115), o aposentado Juan Prieto Araújo, 64, chegou logo cedo para se imunizar. “Desde que completei 60 anos e comecei a tomar, nunca mais fiquei gripado, funciona mesmo. E como tenho diabetes é importante eu me cuidar para evitar complicações”. A dona de casa Diana Bispo, 30, e o filho Valentim, de pouco mais de um ano, também se vacinaram no local. “A gente fica protegido. Nunca mais tive gripe forte”, falou Diana.

Já no posto volante do hipermercado Extra (Av. Ana Costa, 318), onde o movimento foi grande desde o começo da manhã, estava a moradora do Boqueirão, Lucyana da Piedade Dias, 26, com o pequeno Caio, de 20 dias. ”Tomando a vacina, protejo eu e meu bebê”. O casal Maria do Carmo Santana, 68, e João Bregnoles, 88, do mesmo bairro, foi fazer compras e aproveitou para se cuidar. “Todo mundo deve se vacinar. A gripe nunca mais me pegou”, disse ela. O marido ressaltou: “Nunca me descuidei. Com essa idade que tenho, estou firme”.

Mais de 10 mil munícipes foram imunizados contra a gripe Influenza (Foto: Divulgação/PMS)

Agendamento

De segunda-feira (11) até dia 22, idosos acamados, seus acompanhantes e pacientes com doenças crônicas sem condições de se locomover podem agendar a aplicação pelo telefone 3223-6379. Nestes casos, a imunização ocorrerá até 9 de junho, em domicílio.

Proteção e grupos

A vacina protege contra três subtipos do vírus da gripe: A/H1N1, A/H3N2 e Influenza B. Estão no grupo prioritário definido pelo Ministério da Saúde: idosos com 60 anos ou mais, crianças de 6 meses e menores de 5 anos, gestantes, puérperas (mulheres no período de até 45 dias após o parto), trabalhadores da área da Saúde, indígenas, população e funcionários do sistema prisional, e doentes crônicos (mediante prescrição médica). Será também disponibilizada a vacina aos hospitais para contemplar os profissionais de saúde e pacientes internados, mediante autorização do médico.