X

TRAGÉDIA

Litoral norte de SP chega a 50 mortos pelo temporal

O total foi atualizado no início da noite desta quinta pelo governo do estado; ao todo, 38 corpos já foram identificados e liberados para sepultamento

FRANCISCO LIMA NETO - FOLHAPRESS

Publicado em 23/02/2023 às 22:46

Atualizado em 23/02/2023 às 22:49

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Veja a previsão do tempo para os próximos dias na Região / Rovena Rosa/Agência Brasil

Subiu para 50 o número de mortos em decorrência das chuvas históricas que atingiram o litoral paulista no último final de semana (dias 18 e 19) -são 49 vítimas em São Sebastião (SP) e uma em Ubatuba. 

O total foi atualizado no início da noite desta quinta (23) pelo governo do estado. Ao todo, 38 corpos já foram identificados e liberados para sepultamento. São 13 homens, 12 mulheres e 13 crianças. 

O total de pessoas fora de casa chega a 4.066. São 2.251 desalojados e 1.815 desabrigados. Há, ainda, dezenas de desaparecidos, e o trabalho de buscas continua. 

A Prefeitura de São Sebastião montou uma estrutura no centro histórico do município para a realização de velórios coletivos. 

A rodovia Rio-Santos (SP-055) teve o tráfego liberado parcialmente pelo DER (Departamento de Estradas de Rodagem) em diversos pontos que antes estavam totalmente obstruídos, entre São Sebastião e Ubatuba. 

O governador Tarcísio de Freitas (Republicanos) tem reforçado o pedido para que os turistas aproveitem as desobstruções das rodovias e os períodos de tempo firme, e deixem as cidades do litoral norte. 

A intenção é aliviar a pressão sobre os serviços que têm operado no limite. 

Alguns visitantes contaram com caronas e lanchas para sair de áreas isoladas e deixar São Sebastião. 

A rodovia dos Tamoios (SP-099) implantou nesta quarta a Operação Subida, para auxiliar o movimento de saída dos turistas que estão no litoral norte paulista. 

Na operação, uma faixa da pista antiga e as duas faixas da pista nova serão utilizadas para a subida da serra, sentido São José dos Campos. Segundo a assessoria do governo do estado, não há previsão da duração dessa operação. 

Desde o início da tragédia, a população passou a sofrer com o desabastecimento de água, já que estruturas foram destruídas e muitos sedimentos atingiram os pontos de tratamento. 

Os sistemas de água, segundo a companhia, foram restabelecidos em todos os municípios do litoral norte atendidos pela Sabesp. São eles: São Sebastião, Ilhabela, Ubatuba, Caraguatatuba e Bertioga. A companhia afirmou que segue com distribuição gratuita de copos de água e fornecimento de caminhões-tanque. Qualquer prática abusiva de preços na região deve ser denunciada ao Procon, já que há relatos de comerciantes cobrando R$ 93 por litro de água. 

As operadoras de telefonia e internet informaram que também trabalham para restabelecer plenamente todos os serviços na região. 

Segundo o governo do estado, um hospital de campanha da Marinha vai começar a funcionar a partir desta quinta, após a chegada do Navio-Aeródromo Multipropósito Atlântico a São Sebastião. O objetivo é desafogar os hospitais da região, que estão priorizando casos mais graves. 

"São até 300 leitos de enfermaria, contando ainda com profissionais de saúde de ortopedia, clínica médica, traumatologia e psiquiatra, aliviando a pressão e liberando a capacidade dos hospitais aqui da região", disse o governador. 

Outros 180 fuzileiros navais, especializados em resgate e desobstrução de vias, se juntam ao trabalho da Defesa Civil. 

A Secretaria de Estado da Saúde informou que 28 adultos e seis crianças vítimas das chuvas foram atendidas, até o momento, no Hospital Regional do Litoral Norte. Deste total, 10 estão em estado grave e 18 estáveis. Outros dois pacientes já receberam alta hospitalar e outras duas, uma grávida e uma puérpera, foram transferidas para o Hospital Stella Maris. Na terça, duas crianças, ambas de oito anos, foram transferidas ao Hospital Regional de São José dos Campos. 

Desde domingo, as unidades de Saúde do Estado no litoral norte estão em alerta para receber os possíveis feridos do desastre que atingiu a região. Outras unidades de saúde da Baixada Santista, Alto Tietê e da capital paulista também estão aptas a receber os feridos. A secretaria afirmou que todos os pacientes atendidos no Hospital Regional do Litoral Norte tiveram os familiares localizados pela assistência social da unidade. 

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) esteve na segunda (20) com o governador em São Sebastião, acompanhados do prefeito Felipe Augusto (PSDB). 

Lula pediu que não sejam mais construídas casas em encostas de morros, a fim de evitar novas tragédias, e ressaltou a importância da parceria entre os governos -federal, estadual e municipal-, independentemente de questões partidárias. 

"Nós estamos juntos. Ele [Tarcísio] tem obrigação de governar o estado de São Paulo, este aqui [prefeito de São Sebastião] tem obrigação de governar a cidade, e eu tenho obrigação de governar o país. Se cada um ficar trabalhando sozinho, nossa capacidade de rendimento é muito menor. E é por isso que precisamos estar juntos, compartilhar as coisas boas e as coisas ruins. Juntos seremos muito mais fortes", disse o presidente. 

O presidente pediu que a Prefeitura de São Sebastião indique um terreno seguro para construir moradias e transferir os moradores que têm casas em área de risco. 

As equipes de socorro, compostas por diversos órgãos, estão no quarto dia de buscas por sobreviventes e desaparecidos. No domingo, uma das resgatadas em São Sebastião foi uma mulher em trabalho de parto -ela e o bebê passam bem. 

O trabalho de resgate é feito por uma força-tarefa com mais de 500 agentes, entre servidores das forças de segurança e equipes do governo estadual, das Forças Armadas, da Polícia Federal e da Prefeitura de São Sebastião, além de voluntários. 

Todos seguem empenhados para localização, resgate, salvamento e identificação das vítimas. 

Os esforços no atendimento às vítimas começaram no domingo e seguem de forma ininterrupta, com o apoio de 53 viaturas do Corpo de Bombeiros, dois cães especializados na busca de pessoas, 31 maquinários, sete helicópteros Águia do Comando de Aviação da Polícia Militar e outras duas aeronaves do Exército. 

De acordo com o governo do estado, em menos de 24 horas o acumulado de chuva ultrapassou os 600 mm em alguns pontos do litoral. As áreas mais atingidas estão entre Bertioga (683 mm) e São Sebastião (627 mm). Tais índices pluviométricos são dos maiores já registrados no país em curto período e em situação não decorrente de ciclone tropical. 

A Polícia Civil e a Superintendência da Polícia Técnico Científica reforçaram os efetivos na região para dar mais celeridade aos trabalhos de polícia Judiciária e de identificação das vítimas. 

Uma equipe com 40 servidores entre peritos e auxiliares atuará no IML (Instituto Médico Legal) de Caraguatatuba. Outros 12 papiloscopistas do Instituto de Identificação Ricardo Gumbleton Daunt trabalharão em apoio aos profissionais no IML de Caraguatatuba e no Serviço de Verificação de Óbitos de Ubatuba. 

PREVISÃO DO TEMPO 

As cidades do litoral norte paulista terão chuvas todos os dias pelo menos até sexta-feira (24), segundo previsão do Climatempo. 

Estão previstas pancadas de chuvas, com riscos de temporais, no período entre as tardes e noites, que podem acumular, em média, de 30 mm a 50 mm, diariamente. 

Esse volume comparado com o registrado no último final de semana parece pouco, já que algumas estações chegaram a registrar acumulados da ordem de 600 mm em 24 horas. 

A situação é de perigo para toda a região, alerta a empresa, com altíssimo risco geo-hidrológico e com potencial de novos deslizamentos e enxurradas.

Estimativa para esta quinta:

  • São Sebastião - 23-02- Pancadas de chuva (35mm). Temperatura: 22°C/28°C.
  • Ubatuba - 23-02- Pancadas de chuva (35mm). Temperatura: 22°C/30°C.
  • Caraguatatuba - 23-02- Pancadas de chuva (20mm). Temperatura: 23°C/30°C.
  • Ilhabela - 23-02- Pancadas de chuva (15mm). Temperatura: 22°C/28°C.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Guarujá

PAT de Guarujá oferece 58 vagas neste sábado (25); confira a relação

Atendimento é realizado na Avenida Santos Dumont, 1.586, no Pae Cará, em Vicente de Carvalho

Esportes

Pela Série B, Santos perde para o América-MG por 2 a 1

Próxima partida do Peixe será contra o Botafogo-SP

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter