Estado Islâmico é contido por milícia iraquiana e aliados sunitas

As forças paramilitares do Iraque, conhecidas como Unidades de Mobilização Popular, desempenharam um importante papel em desalojar militantes do Estado Islâmico do norte da cidade de Tikrit

Comentar
Compartilhar
19 MAI 201513h58

Forças paramilitares iraquianas e aliados de tribos sunitas islâmicas contiveram um ataque do Estado Islâmico na noite de ontem, em uma cidade localizada entre duas regiões controladas pelos extremistas, na província de Anbar.

Os militantes do Estado Islâmico lançaram um ataque pouco antes da meia-noite para tentar e captura da cidade de Khaldiya, que está entre Fallujah e Ramadi, a capital da província de Anbar, informou o líder sunita Rafie Sheikh al-Fahdawi. No fim de semana, o grupo extremista tomou o controle de Ramadi.

As forças paramilitares do Iraque, conhecidas como Unidades de Mobilização Popular, desempenharam um importante papel em desalojar militantes do Estado Islâmico do norte da cidade de Tikrit, no mês passado. Porém, grupos de direitos humanos acusam os paramilitares de realizar ataques de vingança contra sunitas. Eles negam.