Demolição de viaduto em BH é suspensa pela Justiça

Conforme a assessoria de imprensa, está "tudo pronto" para iniciar a demolição quando ela for autorizada, inclusive com a liberação de duas vias para trânsito

Comentar
Compartilhar
06 JUL 201415h05

A Defesa Civil de Belo Horizonte recebeu neste domingo, 06, da Polícia Civil de Minas Gerais um ofício impedindo a demolição do viaduto Batalha dos Guararapes, na região da Pampulha, que desabou sobre a Avenida Pedro I na última quinta-feira. Conforme a assessoria de imprensa do órgão, está "tudo pronto" para iniciar a demolição quando ela for autorizada, inclusive com a liberação de duas vias para trânsito da população entre a capital e o aeroporto. A operação estava prevista para acontecer hoje às 8h.

"O TJ-MG mediante provocação do Ministério Público Estadual determinou que o local dos fatos permaneça inalterado e a conservação do cenário se estabeleça", informa o conteúdo da nota recebida pela Defesa Civil Municipal, segundo sua assessoria de imprensa.

O ofício foi enviado pelo delegado regional da Polícia Civil, Hugo e Silva, que está à frente do inquérito policial destinado a apurar as circunstâncias que envolveram a queda do viaduto em construção. No acidente morreram duas pessoas e 22 ficaram feridas. Quando a demolição acontecer, não haverá explosões, ela será feita mecanicamente.

Ontem à noite, a construtora Cowan, responsável pela obra, havia informado que tinha recebido a autorização para a demolição do viaduto e que o mesmo iria ser feito das 8h às 22h.

Procurada pela reportagem, a Polícia Civil ainda não se manifestou sobre o assunto.