Crimes têm redução no mês de novembro em Santos

A informação foi passada na abertura da última reunião do ano do Conselho de Segurança

Comentar
Compartilhar
17 DEZ 2017Por Da Reportagem12h01
Os dados foram apresentados pelo delegado seccional, Manoel Gatto NetoFoto: Divulgação/PMS

Os números de roubos, furtos, roubos de veículos e furto de veículos diminuíram em Santos, em novembro, em comparação com o mesmo mês do ano passado. Os dados foram apresentados pelo delegado seccional, Manoel Gatto Neto.

A informação foi passada na abertura da última reunião do ano do Conselho de Segurança (Conseg). O percentual de roubos caiu 31%; o de furtos, 18%; roubo de veículos, 22% e o de furto de veículos, 28%.

Gatto disse que, em janeiro de 2018, serão apresentados os dados do segundo semestre de 2017. Mas comentou que os números, até o dia 12 deste mês, apontam também para uma redução da violência no semestre. “Os dados são comparáveis a 2012, só que a população aumentou nesse período, assim como a dificuldade para se trabalhar”.

Em termos de produtividade, o policiamento da Baixada Santista é o segundo no Estado, perdendo só para a região de Sorocaba, que tem população e infraestrutura policial superiores ao litoral.

Reforço

Outra notícia positiva foi dada pelo Delegado Divisionário, Marcelo Lessa, que revelou que 36 investigadores em processo de formação continuam atuando na Baixada Santista. O curso termina em abril de 2018 e só depois serão definidas quantas vagas para a região serão disponibilizadas.

Na opinião do coronel da Polícia Militar Rogério Silva Pedro, comandante da corporação na região, o bom desempenho se deve à união de todo o policiamento, inclusive a Guarda Municipal.

O secretário municipal de Segurança, Sérgio Del Bel Júnior, também atribuiu os resultados à união de esforços e troca de informações. “Isso é resultado do trabalho diário feito na rua. De muita investigação e prevenção”.