Aquário expõe artesanato produzido com vidro encontrado no mar e na areia

O autor das obras é Cleofas Alonso Hernandes, que até meados de janeiro apresenta cerca de 60 trabalhos.

Comentar
Compartilhar
19 DEZ 201217h20

Pedaços de vidro viram quadrinhos com imagens turísticas de Santos, garrafas transformam-se em enfeite após serem derretidas e cacos tomam a forma de porta-chaves, cinzeiros, bijuterias e até lembranças de Santos, como as famosas muretas da Ponta da Praia e dos canais. E tudo pelas mãos de Cleofas Alonso Hernandes, que até meados de janeiro apresenta cerca de 60 trabalhos na área de exposições do Aquário (Pça. Luiz La Scala s/nº, Ponta da Praia), próximo ao tanque oceânico.

Aposentado da Aeronáutica, Cleofas trabalha há 25 anos com artesanato e, nos três últimos, dedica-se a reciclar vidros encontrados no mar, faixa de areia e em qualquer lugar da cidade, transformando-os em peças de decoração e utilitárias. “Nesta terça-feira mesmo, recolhi duas garrafas na areia que servirão para novas e diferentes peças”, comentou.

O vidro reciclado entrou em sua vida por acaso, quando foi com a esposa participar de um evento e conheceu esse tipo de trabalho, mas com matéria- prima importada. A esposa incentivou-o e ele optou pelo vidro reciclado, com ótimos resultados. “Além disso, é uma forma de contribuir com a conscientização da comunidade quanto ao aproveitamento de materiais antes descartados”, afirmou.

Aposentado da Aeronáutica, Cleofas trabalha há 25 anos com artesanato (Foto: Divulgação)