X
Polícia

Motorista embriagado causa acidente de trânsito em Bertioga, tenta fugir e acaba capotando o carro

O condutor foi preso e duas pessoas ficaram feridas

Ao tentar fugir da cena do crime, o condutor colidiu em uma pilastra e o carro capotou / Foto: Divulgação/ Polícia Militar

Um motorista embriagado colidiu contra uma motocicleta, tentou fugir e capotou após bater no portal da entrada de Bertioga, no início da madrugada deste domingo (19). O condutor foi preso e duas pessoas ficaram feridas. O local foi interditado para perícia, e liberado em seguida.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

Segundo a Polícia Militar (PM), o motorista dirigia pela Avenida 19 de Maio sentido Centro, quando colidiu contra uma moto. Ele tentou fugir e perdeu o controle da direção, batendo na pilastra do portal de entrada da cidade, onde o carro tombou.

A PM foi acionada por volta da 1h e constatou que o condutor estava embriagado. O resultado do teste do bafômetro apontou 0,69 miligramas de álcool por ar expirado pela boca, sendo que o limite é igual ou superior a 0,33 miligramas. 

Os policiais verificaram também que duas pessoas ficaram férias, o piloto da motocicleta, que sofreu escoriações no rosto, mas não quis ser socorrido, e a companheira do motorista embriagado, que fraturou o pé e foi encaminhada ao Hospital Municipal.

De acordo com o Instituto Nacional de Tecnologia e Saúde (INTS), responsável pelo Hospital Municipal de Bertioga, a mulher foi levada pelo resgate do Corpo de Bombeiros à unidade hospitalar, onde foi atendida, realizou exames e recebeu alta.

O local do acidente foi preservado pela Polícia Militar até a chegada da perícia. Conforme informado pela Prefeitura, após a liberação do trecho, uma equipe da Diretoria de Trânsito e Transporte foi acionada para realizar a limpeza e a sinalização do trecho.

Os agentes policiais conduziram o motorista e o piloto da motocicleta até o Distrito Policial, onde foi registrado um boletim de ocorrência e os dois foram autuados. Como o motociclista não era habilitado e a moto não estava no nome dele, foi autuado por dirigir sem Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e por permitir a direção de veículo automotor a pessoa que não habilitada.
O motorista embriagado também recebeu duas autuações, além de ter sido preso. Ele responde por embriaguez ao volante e omissão de socorro, sendo liberado após pagamento de fiança, no valor de R$1300. 
 

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Polícia

Ação da Receita Federal e da PF termina com 498 kg de cocaína apreendidas no Porto de Santos

A droga estava escondida em uma carga de açúcar

Praia Grande

Caminhada da Adoção pretende mobilizar pessoas e informar sobre o tema

Evento acontecerá no dia 10 de julho, na praia do Bairro Canto do Forte, em Praia Grande

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software