Entrada da Cidade

Receita e PF apreendem 347 quilos de cocaína em carga de fibra de madeira no Porto de Santos

Contêiner estava prestes a ser enviado para o Porto de Algeciras, na Espanha

Comentar
Compartilhar
27 NOV 2018Por Gilmar Alves Jr.13h58
A apreensão ocorreu na tarde desta segunda-feira (26)Foto: Divulgação/Receita Federal

Uma ação conjunta da Alfândega da Receita Federal e da Polícia Federal (PF) apreendeu na tarde desta segunda-feira (26) 347 quilos de cocaína em um contêiner no Porto de Santos. Ninguém foi preso e um inquérito da PF irá apurar quem são os responsáveis pela droga.

De acordo com a assessoria de comunicação da Receita, o contêiner seria embarcado em um navio com destino ao Porto de Algeciras, na Espanha.

A cocaína estava acondicionada em tabletes, dentro de sacos de ráfia inseridos em uma carga de painéis de fibra de madeira.

"Suspeita-se da técnica criminosa denominada 'rip-on/rip-off', em que a droga é inserida em uma carga lícita sem o conhecimento dos exportadores e importadores", informou a Receita.

Esta técnica é recorrente nas tentativas de envio de cocaína ao exterior via cais santista.

Recorde histórico

Neste ano, a Alfândega de Santos já localizou mais de 21 toneladas de cocaína em cargas de exportação com destino a Europa, no Porto de Santos.

A quantidade de drogas apreendida no cais santista tem aumentado a cada ano desde 2015. Naquele ano, foi recolhida uma tonelada em um total de cinco operações.

Em 2016, a quantidade saltou para 10,6 toneladas. Já em 2017, foram 11,5 toneladas.

Colunas

Contraponto