21h : 08min

Conheça o
Caderno + DL

Ler

Assine o Jornal por R$8
por mês no plano atual

AssineLer Jornal

Pintado dedica vitória a Ricardo e promete ajudar Ceni “no que precisar”

Prometendo ser leal a Rogério Ceni, já acertado como técnico para 2017, ele dedicou a vitória ao demitido Ricardo Gomes

Comentar
Compartilhar
28 NOV 2016Por Gazeta Press20h30
Auxiliar viu a equipe jogar bem a virar o placar frente aos mineirosFoto: Rubens Chiri/saopaulofc.net

O auxilia Pintado comandou a equipe do São Paulo no último domingo e conseguiu uma vitória por 2 a 1 sobre os reservas do Atlético-MG, no Independência, mas não viu influência sua no desempenho da equipe frente aos mineiros. Prometendo ser leal a Rogério Ceni, já acertado como técnico para 2017, ele dedicou a vitória ao demitido Ricardo Gomes.

“Nós planejamos essa vitória. O grupo treinou durante a semana e não podemos esquecer que o trabalho e a vitória têm muito da mão do Ricardo Gomes. Muito mesmo. O amor e a entrega dos jogadores foram fundamentais”, comentou o ex-volante, avaliando a relação do elenco, recheado de jovens, com o clube.

“A alegria por jogar no São Paulo pesou. Isso queremos ver sempre: essa vibração, esse amor e essa dedicação da equipe hoje, atuando como time, como clube grande, que isso seja levado ao ano que vem”, observou. Para ele, Ceni saberá ser o mentor necessário para jovens como David Neres, Luiz Araújo e Pedro.

“O mais importante é que temos um treinador antenado e que sabe de tudo o que acontece aqui dentro. O Rogério já está trabalhando com a gente e isso nos deixa confiante para um grande ano. Já conversamos. Rogério está planejando tudo, e isso é muito importante. Todos estão aqui para apoiar e dar respaldo. Essa é a ordem do presidente: ajudar no que foi possível agora para que 2017 seja de vitórias”, acrescentou.

Renan deve passar por cirurgia

O goleiro Renan Ribeiro sofreu uma luxação no quarto dedo da mão esquerda ainda no primeiro tempo do embate em Minas Gerais e provavelmente passará por uma cirurgia no local nesta semana. Contundido aos 42 minutos, quando fez defesa em cabeçada de Fred, ele deu lugar a Denis e só retorna aos treinos em 2017.

“Tentamos várias manobras no vestiário, inclusive agradeço ao doutor Rodrigo Lasmar (médico do Atlético-MG) pela ajuda, mas não conseguimos. Antecipamos sua volta a São Paulo, o Renan foi com o Marco Aurélio Cunha direto para o hospital fazer uma avaliação radiológica”, explicou o médico do clube, José Sanchez, ao Sportv.

Colunas

Contraponto

Construtora CredLar