Oxford suspende teste de vacina contra Covid-19 após reação adversa

Segundo site, um dos voluntários da vacina apresentou "efeito adverso grave"; AstraZeneca suspendeu os testes

Comentar
Compartilhar
08 SET 2020Por Gazeta de S. Paulo20h31
A suspensão é prevista em testes de vacina e é adotada para garantir a segurança e a integridade dos voluntáriosFoto: DIVULGAÇÃO

A AstraZeneca suspendeu os testes da vacina contra o novo coronavírus (Covid-19) no Reino Unido por suspeita de reação adversa. De acordo com o site de notícias de saúde "Stat News", um dos voluntários da vacina da Universidade de Oxford apresentou "efeito adverso grave". A informação foi divulgada nesta terça-feira (8).

A suspensão é prevista em testes de vacina e é adotada para garantir a segurança e a integridade dos voluntários.

O imunizante está no estágio 3 dos testes. A vacina de Oxford/AstraZeneca é a aposta do Ministério da Saúde para a imunização da população brasileira. Nesta terça, o ministro interino da Saúde, Eduardo Pazuello disse que espera começar a vacinação contra a Covid-19 no País em janeiro.

No Brasil, inclusive, a vacina já é aplicada em alguns voluntários. Ainda não foi informado se os testes também serão suspensos no Brasil e nos outros países onde o imunizante está sendo testado.