X

SANTOS

Praia Limpa: ação em Santos já orientou 427 pessoas sobre cães na areia e descarte de lixo

Até o momento, as equipes formadas pelos fiscais da Secretaria Municipal de Serviços Públicos (Seserp) e guardas civis municipais já orientaram 177 pessoas com cães na faixa de areia

Da Reportagem

Publicado em 24/01/2023 às 21:52

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

GCM orienta pessoas na praia de Santos / Divulgação/ PMS

Orientando ambulantes e banhistas sobre a presença de cães na areia e o descarte correto de resíduos, a Operação Praia Limpa já abordou mais de 400 pessoas desde o início da ação, no último dia 13. A operação acontece de sexta a domingo, durante todo o verão.

Até o momento, as equipes formadas pelos fiscais da Secretaria Municipal de Serviços Públicos (Seserp) e guardas civis municipais já orientaram 177 pessoas com cães na faixa de areia, informando a respeito das normas e multas vigentes. Todos os abordados acataram a orientação e deixaram a praia junto dos pets.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

Quanto ao descarte irregular de lixo, 250 ambulantes que circulam pela região da orla foram orientados pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semam) quanto às formas corretas de destinar o lixo produzido pelo trabalho ao fim do expediente. Os orientados também receberam panfletos informativos a respeito das normas municipais.

"Nosso objetivo, além de se fazer cumprir o Código de Posturas do Município, também é sensibilizar as pessoas de que nossa saúde depende diretamente da saúde do meio ambiente. A Operação Praia Limpa está inserida nessa estratégia para informar, alertar, conscientizar e mudar comportamentos", afirmou o secretário adjunto de Meio Ambiente (Semam), Marcus Fernandes.

PRAIA LIMPA

A Operação Praia Limpa tem o objetivo de manter a orla da praia agradável a todos os banhistas e estimular a boa convivência com o meio ambiente nesta época do ano, quando a quantidade de pessoas na faixa de areia aumenta em razão do verão. 

A ação acontece até o final março, no período com maior concentração de pessoas na orla: de sexta a domingo, das 9h às 13h. Os profissionais percorrem toda a faixa de areia de Santos, do José Menino à Ponta da Praia, a pé e em quadriciclos.

A operação ainda envolve a distribuição de panfletos com QR Codes que levam diretamente à Lei Municipal que regulamenta o recolhimento de resíduos pelos ambulantes e ao decreto sobre a circulação de cães na areia.

CACHORROS NA PRAIA

O trecho da praia liberado para cães compreende o espaço entre o Posto 1 de salvamento e o emissário submarino (Parque Municipal Roberto Mário Santini, no José Menino), no horário das 6h às 9h e das 16h às 19h. Nas demais áreas da faixa de areia, a presença dos animais continua proibida e o descumprimento está sujeito a multa no valor de R$ 800.

O banhista também pode ser penalizado por não recolher as fezes do animal, no valor de R$ 243,17, e pelo não uso de guia e coleira adequadas ao porte do animal, em R$ 121,50. A multa é aplicada em caso de resistência do tutor em atender às orientações dos fiscais.

Denúncias podem ser feitas pelo número 153.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Diário Mais

Saiba quantas calorias têm os seus lanches favoritos do McDonald´s

Informações foram retiradas do próprio site da rede de fast-food

Diário Mais

Mau presságio? Branqueamento de corais pode ser sinal da morte dos oceanos; entenda

Estruturas são a base do Oceano

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter