X
Santos

Monumento instagrámavel 'Eu amo a Zona Noroeste' decora praça santista

Peça foi instalada pela Prefeitura Regional da Zona Noroeste e integra o processo de revitalização de 11 praças da região

No último domingo, a peça foi finalizada com arte feita pelo grafiteiro Carlos Roberto da Silva, o Catts / Divulgação/PMS

Os moradores da Zona Noroeste têm um novo lugar para registrar o amor pela região santista. A Praça Júlio Dantas, em frente à Igreja Santa Margarida Maria, na Caneleira, em Santos, ganhou o monumento instagrámavel "Eu amo ZNO". No último domingo, a peça foi finalizada com arte feita pelo grafiteiro Carlos Roberto da Silva, o Catts, completando o tratamento paisagístico que o espaço recebeu em abril.

O artista, de 29 anos, utilizou uma linguagem abstrata no  monumento e deu um toque pra lá de especial na parte do coração, que teve a parte interna decorada com centenas de corações multicoloridos. O "clima de amor" foi inspirado no Dia das Mães, comemorado no domingo. Foram cinco horas de trabalho ininterrupto até o trabalho ficar pronto e logo atrair muitas mães e filhos, que aproveitaram para tirar fotos na data especial.

"A ideia inicial era enfeitar e dar cor à peça. Mas, como gosto de passar emoções e sentimentos em meus trabalhos, a parte externa do coração que integra o monumento ganhou cor vermelha, e a interna, centenas de pequenos corações", disse Catts.

Ele também explicou que, como o espaço é pequeno, não é qualquer desenho que oferece um apelo visual interessante, lembrando que o grafite é sempre melhor apreciado a distância. "Minha ideia foi fazer algo abstrato, bem colorido, para que desse pra ver de longe e chamasse bastante a atenção." completou.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

REVITALIZAÇÃO DAS PRAÇAS

O monumento foi instalado pela Prefeitura Regional da Zona Noroeste e integra o processo de revitalização de 11 praças da região.

Também estão sendo contempladas com obras as praças da Cufa (Central Única das Favelas) e Francisco de Marchi, no bairro Castelo; Ex-Combatentes e Domingos Aulicino, no Bom Retiro; Dr. Tennyson de Oliveira Ribeiro, Nicanor Ortiz e Décio de Brandão Campos, na Areia Branca; Maria Coelho Lopes, no Santa Maria; Afonso Taunay (Rádio Clube) e Ruy de Lugo Viña (Saboó).

Os serviços, orçados em R$ 650 mil, começaram no final do mês passado e deverão estar concluídos até o final de junho, dependendo das condições do tempo. A Praça Domingos Aulicino também ganhará um monumento, mas alusivo à família.

O ARTISTA

Desenhando desde criança, Carlos, natural do Guarujá, em 2014 passou sua arte do papel para o muro da sua casa, pintura que despertou a atenção de pedestres e lhe valeu um convite para levar seu trabalho ao Mercado Municipal de São Vicente. "Ali conheci várias pessoas e iniciei um projeto voluntário de revitalização de escolas infantis", prosseguiu, explicando que, na sequência, passou a dar aulas de grafite.

Em 2017, iniciou a realização de mutirões, com vários tipos de intervenções em escolas. "Mas era com a pintura que mais conseguia a interação dos pais dos alunos", reconhece.

No ano seguinte, Carlos passou a viver unicamente de sua arte e contabiliza mais de 100 trabalhos, incluindo voluntários, na região, com destaque para os grandes painéis do Jardim Botânico Chico Mendes, a casa de boneca da Escola Municipal Leonor Mendes de Barros e o grafite na UME Margareth Buchmann, em Santos.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Polícia

Polícia Civil prende acusado de assalto em São Vicente

O crime aconteceu em 2017 e o suspeito estava foragido até a sua prisão, nesta quarta-feira (10)

GASTRONOMIA

Conheça 5 restaurantes para provar comidas do Oriente Médio em SP

Uma nova geração de restaurantes árabes que tem dado o que falar

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software