Em Santos, Sebrae faz parceria para ajudar a desenvolver startups na Região

Os interessados devem preencher o formulário eletrônico e enviar ‘pich’ (apresentação) em vídeo com duração de três minutos, item que será decisivo na seleção

Comentar
Compartilhar
26 SET 2021Por Da Reportagem10h30
O programa gratuito contará com apoio de parceiros e suporte da Associação Brasileira de Startups (Abstartups)O programa gratuito contará com apoio de parceiros e suporte da Associação Brasileira de Startups (Abstartups)Foto: Divulgação

Uma parceria inédita entre a Fundação Parque Tecnológico de Santos e o Sebrae vai ajudar a desenvolver startups da região. O programa, voltado para pré-aceleração de empresas inovadoras com potencial de crescimento, está com inscrições abertas a partir de segunda-feira (27) até 3 de outubro pelo site www.fpts.org.br/programastart.

O programa gratuito contará com apoio de parceiros e suporte da Associação Brasileira de Startups (Abstartups).

“Teremos 30 vagas disponíveis aqui para a Baixada Santista, com atividades on-line e presenciais como as rodadas de mentorias”, explica o diretor-presidente do Parque Tecnológico de Santos, Rogério Vilani.

Os interessados devem preencher o formulário eletrônico e enviar ‘pich’ (apresentação) em vídeo com duração de três minutos, item que será decisivo na seleção. As startups selecionadas serão divulgadas em 5 de outubro e o programa começa dia 6, e termina em 21 de dezembro.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp: https://bit.ly/diariodolitoral
Mantenha-se bem informado.

CONTEÚDO E BENEFÍCIOS.
Os participantes terão disponíveis conteúdos on-line, com duas mentorias mensais de mercado da rede da Abstartups, as quais abrangem todas as áreas de atuação e dificuldades das empresas, entre elas desenvolvimento de produtos, marketing, captação de investimentos e orientação jurídica.

Haverá duas rodadas de mentorias (até 4 horas) com 30 profissionais locais, workshops de design e de metodologias ágeis de trabalho e três palestras especializadas. Cada startup contará com um ‘head’ de aceleração, espécie de padrinho dedicado para avaliação, acompanhamento e direcionamento, além de receber um convite para participar do maior evento de startups do Brasil, o Case.

As startups que demonstrarem maior nível de maturidade poderão fazer parte do programa Portfólio do Sebrae, para aceleração e apoio nas áreas de internacionalização, vendas e captação de recursos.