X

Santos

Artista circense representará Santos em evento internacional; conheça

O artista participará do evento com o espetáculo 'Bastidores', montado para o projeto 'Hora da Cultura', da Prefeitura de Santos, em 2023

Da Reportagem

Publicado em 14/04/2024 às 18:32

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Plínio Augusto é fundador da companhia de teatro Bella Cia / Divulgação/PMS

O artista circense de Santos Plínio Augusto, fundador da companhia de teatro Bella Cia., foi convidado para o festival de palhaçaria ‘FESTICLOWN’, que acontece em junho e julho, em El Salvador e Honduras. O artista participará do evento com o espetáculo ‘Bastidores’, montado para o projeto ‘Hora da Cultura’, da Prefeitura de Santos, em 2023.


Siga as notícias do Diário do Litoral no Google Notícias

Com um roteiro simples, o ator e palhaço representa um pouco do que a companhia vem trabalhando ao longo dos mais de 20 anos. O cenário foi projetado para ser adaptável a qualquer tipo de espaço, podendo ser montado em áreas abertas com praticidade, rapidez e segurança.

O espetáculo conta a história de um gari que chega para fazer a limpeza nos bastidores e picadeiro de um circo e depara-se com aparelhos e materiais circenses prontos para o uso. Por curiosidade, vontade e sonho, ele se transforma em palhaço e dá início ao show.


Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

Para que Plínio possa participar do evento internacional, ele vai precisar de apoio financeiro a fim de cobrir os custos da viagem, pois a hospedagem, alimentação e outras despesas relacionadas à sua participação serão arcadas pela organização do festival. “O evento traz uma oportunidade única para divulgar a arte circense e promover a cultura da nossa cidade em um cenário global. Mostrar ao mundo o talento e a criatividade presentes em Santos é uma honra”, disse o artista.

Uma maneira de ajudar o artista com as despesas da passagem área é fazendo a doação de qualquer quantia por meio do Pix CPF 272038868-83

O artista

Plínio Augusto é educador, artista circense e fundador da companhia Bella Cia. Fundou a companhia em 1996 e, em seus 30 anos de circo, com resistência e muito trabalho, acredita que o circo é uma prática mobilizadora que pode promover a inclusão social e o entretenimento.

A Bella Cia. é formada por profissionais de teatro, circo, músicos e educadores. A companhia de teatro já apresentou espetáculos para mais de 600 mil pessoas no Brasil, além de exibições na Argentina, Uruguai, México, Chile, Peru, Colômbia, Espanha, Portugal, Honduras, Nicarágua e El Salvador.

Mais informações podem ser conferidas no Instagram: @bella_circo_teatro_e_circo e no Facebook: facebook.com/bellaciateatro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Diário Mais

Mau presságio? Branqueamento de corais pode ser sinal da morte dos oceanos; entenda

Estruturas são a base do Oceano

Nacional

Não perca as contas: você sabe quantas vezes o cantor Fábio Jr. se casou?

A lista é bem extensa e pode confundir os fãs

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter