X

Praia Grande

Praia Grande recebe mostra de gravuras evidencia arquitetura histórica da Baixada

Idealizada pela artista plástica Márcia Santtos, a exposição gratuita passa por cinco das principais do Estado de São Paulo no primeiro semestre de 2023.

Da Reportagem

Publicado em 10/03/2023 às 12:15

Atualizado em 24/04/2023 às 18:19

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Praia Grande foi a cidade escolhida para representar os acontecimentos relacionados à formação das civilizações do litoral de São Paulo / Reprodução/Campos Sales

A partir de 16 de março, a artista plástica Márcia Santtos traz para o Complexo Cultural Palácio das Artes de Praia Grande a mostra itinerante "A Cidade como Identidade", exposição de gravuras autorais, produzidas em matrizes originais de embalagens cartonadas com a utilização de técnicas de gravação e impressão em relevo e côncavo. 

Com passagem recente pela Bauhaus Brasil – Centro de Formação Profissional de Ribeirão Preto, São Paulo, a mostra compõe cerca de 36 obras, que abordam temas relacionados à arquitetura como patrimônio histórico-cultural e evidenciam parte das edificações construídas para atender as necessidades da população da Baixada Santista e demais regiões do Estado.

"As edificações criam vínculos afetivos entre as gerações passadas, presentes e futuras, possibilitando à população do entorno enxergar-se como sujeitos da história. O patrimônio preserva assim a identidade do povo, dá a ele consciência de seus direitos e obrigações com a sua localidade", explica a artista e idealizadora da exposição.

Por meio das gravuras e técnicas que "gravam" as embalagens (utilizadas para a produção das obras), a artista propõe a reflexão sobre a importância da conscientização e preservação dessas construções que ajudam a contar um pouco mais sobre a história, emancipação e desenvolvimento de nosso país, formado por colonizadores, escravizados e imigrantes.

Nesse sentido, Praia Grande foi a cidade escolhida para de alguma forma representar os acontecimentos relacionados à formação das civilizações do litoral de São Paulo.

"Praia Grande é um jovem município, se considerarmos sua emancipação de São Vicente em janeiro de 1967.  Entretanto, assim como Santos, Praia Grande possui casarões com características da arquitetura neocolonial dos anos 1930 e 1940 e com elementos de herança italiana, por exemplo, tornando-se vital que a arte proponha reflexões sobre as alterações do espaço urbano", conta.

De modo geral, Márcia Santtos investe na relação pessoal e na percepção dos detalhes que estão em seu entorno, para compor obras que sensibilizem até os mais desatentos.

Tendo como princípios a sustentabilidade e a valorização de materiais reutilizáveis, ao longo de sua carreira, a arte-educadora e mestre pelo Instituto das Artes da Unesp desenvolveu técnicas de gravura e reaproveitamento de embalagens, além de pesquisas referentes à utilização de matérias primas diversas, nas quais destinou anos de estudo intercalados com suas atividades como professora universitária e com as rotinas de trabalho em seu ateliê.

A exposição "A Cidade como Identidade" integra o projeto de mesmo nome, contemplado pelo ProAC - Programa de Ação Cultural/2022 e tem o aporte financeiro da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo.

A mostra no Complexo Cultural Palácio das Artes de Praia Grande acontece de 16 de março a 30 de abril de 2023, com entrada gratuita. Para conhecer mais sobre as ações do projeto, obter informações sobre horários de visita e das demais localidades que receberão a exposição, acesse o perfil do ateliê da artista no Instagram https://www.instagram.com/gravurar.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Cotidiano

Confira o resultado do Timemania no concurso 2094, neste sábado (18)

O prêmio é de R$ 2.200.000,00

Cotidiano

Confira o resultado da Quina no concurso 6444, neste sábado (18)

O prêmio é de R$ 20.500.000,00

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter