X

Praia Grande

Palácio das Artes, em PG, é iluminado com roxo e laranja para conscientização de doenças

Lúpus, Fibromialgia, Alzheimer e Leucemia são as doenças 'em foco' com a iluminação

Da Reportagem

Publicado em 13/02/2023 às 12:23

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Lúpus, Fibromialgia, Alzheimer e Leucemia são as doenças 'em foco' com a iluminação / Reprodução/Prefeitura de Praia Grande

O Complexo Cultural Palácio das Artes, em Praia Grande, estará com sua fachada iluminada durante todo o mês de fevereiro nas cores roxo e  laranja. A escolha busca conscientizar e combater as doenças Lúpus (doença inflamatória crônica de origem autoimune), Fibromialgia (dor  musculoesquelética que afeta várias áreas do corpo, sendo uma  síndrome, de caráter crônico, e etiologia desconhecida) e Alzheimer (demência neurodegenerativa em pessoas de idade), representadas pelo  roxo, e Leucemia (células brancas do sangue afetadas por um grupo de  cânceres), pela cor laranja.

De acordo com o secretário de Cultura e Turismo, Mauricio Petiz, é  importante iluminar o prédio público com as causas consideradas mais  relevantes para a sociedade. “As pessoas passam muitas vezes  despercebidas pelo local por conta da correria diária, mas com as  cores diferenciadas buscam saber o motivo dessa iluminação. É uma  forma de darmos visibilidade para temáticas importantes ao longo do  ano”, conta o responsável da pasta.

Outras causas, por exemplo, já ganham o devido destaque durante os  meses do ano. Podemos citar entre elas: o ‘Maio Amarelo’ traz uma  campanha em prevenção aos acidentes de trânsito; o ‘Outubro Rosa’ busca combater e diagnosticar para que haja tratamento precoce ao  câncer de mama; o ‘Novembro Azul’ aborda a prevenção ao câncer de próstata.

Praia Grande possui uma ampla rede de saúde pública para  atender os munícipes com algumas dessas enfermidades. A porta de entrada na Cidade é a Unidade de Saúde da Família (Usafa) em que a  pessoa está cadastrada. As equipes de saúde da família desenvolvem inúmeras ações de promoção e prevenção, práticas integrativas e outros  atendimentos para o bem-estar da população, prestando assistência à saúde continuada, integral e abrangente em todas as fases da vida.

Caso a pessoa precise de um atendimento mais especializado, o paciente  é encaminhado pela equipe para a rede de especialidades do Município, o que inclui as clínicas credenciadas. Para pacientes oncológicos, o encaminhamento é feito para a rede de alta complexidade do Governo do Estado e o atendimento ocorre por meio da Rede Hebe Camargo, responsável pelo tratamento oncológico.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Diário Mais

Saiba quantas calorias têm os seus lanches favoritos do McDonald´s

Informações foram retiradas do próprio site da rede de fast-food

Diário Mais

Mau presságio? Branqueamento de corais pode ser sinal da morte dos oceanos; entenda

Estruturas são a base do Oceano

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter