Investigador de Mongaguá é preso

Comentar
Compartilhar
13 DEZ 201311h29

O chefe dos investigadores da Delegacia Sede de Mongaguá foi preso em flagrante, na manhã de ontem, acusado de envolvimento com o jogo do bicho. Outros dois homens, acusados de explorar o jogo ilegal, também foram detidos na ação, deflagrada pela Corregedoria da Polícia Civil e pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público (MP).

De acordo com informações divulgadas pelo Gaeco, na residência do policial civil foram encontrados mais de R$ 60 mil, aproximadamente 800 DVDs piratas, várias armas e munições.