X

CRIMINALIDADE

Baixada e Vale fecham 2023 com números mais altos de furtos e estupros em 10 anos

Segundo os números da SSP, a região de Santos, que engloba os dados dos nove municípios da Baixada e outras cidades também do Vale do Ribeira, somou 34.543 furtos registrados por meio de boletins de ocorrência durante 365 dias

LG Rodrigues

Publicado em 26/01/2024 às 14:00

Atualizado em 26/01/2024 às 14:03

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

O número alto de furtos no ano passado só foi superado em 2012 / Reprodução

Os números totais de furtos e estupros registrados por delegacias da Baixada Santista e do Vale do Ribeira durante os 12 meses de 2023 superam os mesmos dados dos últimos dez anos. As estatísticas, divulgadas pela Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo (SSP-SP) na última sexta-feira (26), podem ser encontradas no portal do Governo do Estado.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

Segundo os números da SSP, a região de Santos, que engloba os dados dos nove municípios da Baixada e outras cidades também do Vale do Ribeira, somou 34.543 furtos registrados por meio de boletins de ocorrência durante 365 dias.

A título de comparação, os últimos dez anos não somaram, ao longo dos 12 meses, um dado tão alto de delitos desta natureza. Foram 33.078 em 2022, 29.216 em 2021, 25.464 em 2020, 28.937 em 2019 e 26.478 em 2018. Voltando ainda mais cinco anos, a SSP somou 27.931 boletins de ocorrência por furtos em 2017, 28.265 em 2016, 28.872 em 2015, 31.194 em 2014 e 33.955 em 2013.

O número alto de furtos no ano passado só foi superado em 2012, quando Baixada Santista e Vale do Ribeira somaram 34.881, 338 casos a mais do que nos 12 meses de 2023.

CRIMES.
O número de roubos também alcançou uma marca preocupante em 2023. Entre janeiro e dezembro, foram 14.027 casos contra 12.318 em 2022, 11.146 em 2021, 11.845 em 2020. Este tipo de delito ficou atrás, porém, de 2019, quando ambas regiões totalizaram 14.520 roubos ao todo.

Ainda falando a respeito dos números de 2023, o ano terminou com 140 homicídios dolosos, 283 tentativas de homicídio e 11 latrocínios.

VIOLÊNCIA SEXUAL.
Os casos de estupro também tiveram alta preocupante no ano passado. As delegacias de Vale do Ribeira e Baixada Santista somaram 801 casos de estupro, que são somatórias de boletins de ocorrência de estupros e estupros de vulneráveis.

Assim como no caso dos furtos, a violência sexual também atingiu o dado mais alto em dez anos. De acordo com a SSP, em 2022 foram 740 crimes deste tipo, 647 em 2021, 639 em 2020, 664 em 2019, 638 em 2018, 513 em 2017, 451 em 2016, 385 em 2015, 459 em 2014, 629 em 2013 e 839 em 2012, período que superou o ano passado.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Diário Mais

Mau presságio? Branqueamento de corais pode ser sinal da morte dos oceanos; entenda

Estruturas são a base do Oceano

Nacional

Não perca as contas: você sabe quantas vezes o cantor Fábio Jr. se casou?

A lista é bem extensa e pode confundir os fãs

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter