X

Polícia

Apontado como líder do PCC em São Roque é preso em Santos

Policiais do 3º DP de Santos (Ponta da Praia) agiram após obterem informações de colegas de São Roque

Gilmar Alves Jr.

Publicado em 08/11/2018 às 17:02

Atualizado em 08/11/2018 às 17:12

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

A investigação foi desenvolvida por policiais do 3º DP, que agiram sob o comando da delegada titular, Edna Pacheco Fernandes Garcia / Rodrigo Montaldi/DL

Foragido da Justiça desde 2016 e apontado pela Polícia Civil como líder do Primeiro Comando da Capital (PCC) em São Roque, no interior paulista, o pedreiro Sidnei Aparecido de Souza, de 31 anos, foi preso na quarta-feira (7) por investigadores do 3º Distrito Policial de Santos na Rua Aureliano Coutinho, no Embaré.

Sidnei prestaria um serviço autônomo de pedreiro, por volta das 10h, quando foi surpreendido pelos policiais Orlando Rollo e Adriano Jorge de Mattos (chefe dos investigadores), que realizaram uma campana após obterem informações de policiais civis de São Roque.  A ação que resultou na captura foi feita sob o comando da delegada Edna Pacheco Fernandes Garcia, titular do 3º DP.

De acordo com Rollo, Sidnei  tem passagens por estupro, roubo, tráfico de drogas e receptação. “Ele estava evadido do Centro de Progressão Penitenciária (CPP) de  Bauru II desde 28 de março de 2016”, declarou.

Ainda de acordo com o policial civil, Sidnei é investigado por envolvimento em furtos e receptação de moto na área do 3º DP, que abrange, além da Ponta da Praia, os bairros Macuco, Estuário, Embaré e Aparecida.

Os investigadores apreenderam o celular  do capturado e a motocicleta dele. 

Após a captura ser registrada no 3º DP, Sidnei foi recolhido à cadeia anexa ao 5º DP (Bom Retiro). Até o registro da prisão, o acusado ainda não  tinha advogado. 

 

Apoie o Diário do Litoral
A sua ajuda é fundamental para nós do Diário do Litoral. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós do Diário do Litoral temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para o Diário do Litoral continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Negou

Ex-prefeito Bili garante que não houve dolo e que vai recorrer de decisão

O juiz Leonardo de Mello Gonçalves, da Vara da Fazenda Pública do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJ-SP), condenou o ex-prefeito Luis Cláudio Bili Lins da Silva por improbidade administrativa e dano ao erário

Itanhaém

Vamos ajudar? Banco de leite materno de Itanhaém precisa de doações

O alimento pode ser compartilhado para ajudar a salvar a vida de diversos bebês na UTI Neonatal

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter