X
PREVENÇÃO

Praia Grande se torna 5º município que não terá queima de fogos no Réveillon

O anúncio feito pela Administração Municipal de Praia Grande ocorreu após o fim de uma reunião do Conselho de Desenvolvimento da Região Metropolitana da Baixada Santista (Condesb)

Praia Grande se juntou ao grupo e também bateu o martelo nesta terça-feira (26) ao decretar que não realizará o evento durante a virada do Ano Novo. / Divulgação

Uma semana após Santos, São Vicente, Guarujá e Bertioga terem informado que não fariam, pelo segundo ano consecutivo, a tradicional queima de fogos de artifício, o município de Praia Grande se juntou ao grupo e também bateu o martelo nesta terça-feira (26) ao decretar que não realizará o evento durante a virada do Ano Novo.

O anúncio feito pela Administração Municipal de Praia Grande ocorreu após o fim de uma reunião do Conselho de Desenvolvimento da Região Metropolitana da Baixada Santista (Condesb) que contou com a presença dos nove prefeitos da Região. Além dos cinco municípios que se recusaram a realizar queima de fogos, Cubatão informou que há previsão para realização de evento natalino com instalação de iluminação e chegada do Papai Noel, além de queima de fogos no Réveillon, e está se preparando para isso adiantando os trâmites burocráticos sobre editais e formato de contratações.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

Já a prefeitura de Itanhaém, por meio da secretaria de Turismo, afirmou que se encontra em fase de planejamento das ações natalinas, final de ano e carnaval. A preparação está sendo pautada pela necessidade de acompanhamento da evolução vacinal contra o Covid-19 para que as atividades realizadas atendam as precauções sanitárias relacionadas à pandemia.

O secretário municipal de Turismo, Cultura e Esportes de Peruíbe, Edilson Almeida, afirmou que Peruíbe está em negociação. "Estamos licitando e acreditamos que será possível realizar o evento, considerando que a região está com um número de vacinados bem significativo".

Por fim, Mongaguá explicou que segue estudando o assunto, mas ainda não há uma deliberação a respeito.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Guarujá

Câmara Temática de Segurança se reúne para discutir projetos metropolitanos

Encontro reúne autoridades dos nove municípios que compõem a Região Metropolitana da Baixada Santista, com o objetivo implementar ações de interesse regional voltadas à segurança pública

Saúde

Brasil chega a 62,03% da população com vacinação completa contra a covid-19

O número de pessoas vacinadas com ao menos uma dose contra a covid-19 no Brasil chegou nesta sexta-feira, 26, a 158.650 689

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software