X
VALE DO RIBEIRA

'Stand Up Para Todos' agita Iguape e Ilha Comprida

O projeto oferece clínicas de stand up gratuitas para população, com aulas ministradas por professores certificados

O projeto Stand Up Para Todos oferece clínicas de stand up gratuitas para população, com aulas ministradas por professores certificados / Divulgação

Prancha, remo e muita diversão, formam a trilogia de atrações do SUP Para Todos, evento gratuito que acontece entre os dias 5 e 19 de dezembro nas cidades de Iguape e Ilha Comprida, litoral Sul de São Paulo.

O projeto Stand Up Para Todos oferece clínicas de stand up gratuitas para população, com aulas ministradas por professores certificados que vão disponibilizar todos os materiais para prática da modalidade, tais como pranchas, remos e equipamentos de segurança.

O evento tem como objetivo promover a iniciação esportiva, saúde e bem-estar, além de fomentar a integração e inclusão social por meio do esporte praticado sobre a prancha de stand up, que virou uma ótima opção de lazer em praias, represas, lagos, rios e até piscinas de todo o Brasil.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

"O stand up comporta a magia de ensinar as pessoas a andar sobre as águas e oferece a sensação única de estar em pé sobre uma prancha, pois pode ser praticado tanto em regiões do interior como no mar, em praias do litoral. O projeto SUP Para Todos tem a missão de compartilhar com a população a experiência maravilhosa do estilo de vida dos boardsports", declarou Romeu Andreatta, idealizador do evento e plataforma Para Todos.

As aulas acontecem em duas etapas, divididas em fases teórica e prática, com orientações para posicionamento correto sobre a prancha de stand up e o uso do remo para deslocamento sobre a água, somados aos exercícios de equilíbrio e impulso, junto das regras de segurança para subir na prancha em caso de mergulho na água.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

DECISÃO

Em Guarujá, prefeita em exercício veta quadriciclos na praia

Adriana seguiu recomendação dos órgãos ambientais que alertaram sobre os perigos da proposta

Polícia

Mulher suspeita de envenenar enteados com chumbinho no feijão é presa

Cíntia Mariano Dias Cabral é suspeita de ter assassinado a jovem Fernanda Carvalho, de 22 anos, e tentar repetir a prática com o irmão dela, de 16 anos

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software