Oswaldo ainda vê time em formação, mas prevê maturidade no Brasileiro

O Palmeiras dá largada em sua caminhada no Campeonato Brasileiro às 18h30 deste sábado, recebendo o Atlético-MG, no Palestra Itália

Comentar
Compartilhar
09 MAI 201511h35

O Palmeiras chegou à final do Campeonato Paulista e só perdeu o título nos pênaltis, mas Oswaldo de Oliveira ainda crê que seu time está em formação. Mas o técnico, permanentemente otimista, aposta que a equipe ganhará maturidade ao longo do Brasileiro, que começa neste sábado.

“Continuamos em formação. Hoje, estamos em outro estágio, todos já têm uma leitura e uma compreensão. Mas sabemos que o nível do Campeonato Brasileiro acaba provocando o amadurecimento da equipe e vamos comprovar isso a cada jogo que se passar”, analisou.

O treinador já recebeu 21 reforços na temporada e ainda espera mais. A reformulação, que atingiu até a diretoria e a comissão técnica neste ano, e a chegada à decisão estadual aumentaram a expectativa da torcida. Mas Oswaldo se contém ao ser lembrado de que o time quase foi rebaixado em 2014.

Oswaldo só perdeu o Paulista nos pênaltis, mas crê que time precisa da maturidade oferecida pelo Brasileiro (Foto: Agência Palmeiras)

“Quisera eu ter o poder de adivinhar o que vai acontecer. É um campeonato muito difícil. A minha projeção é muito positiva, muito otimista. Acho que vamos fazer um grande campeonato. Agora, nós temos outros 19 querendo dizer ‘não’ a isso”, simplificou, destacando o equilíbrio da competição.

“O Campeonato Brasileiro é cantado em verso e prosa, pelo menos por nós, brasileiros, como o campeonato mais difícil para se disputar. Hoje em dia, claro, é discutível o nível técnico, mas a competitividade, realmente, é muito alta pelo número de competidores que podem chegar ao título”, avaliou.

O Palmeiras dá largada em sua caminhada no Campeonato Brasileiro às 18h30 (de Brasília) deste sábado, recebendo o Atlético-MG, no Palestra Itália. Oswaldo já definiu a escalação com: Fernando Prass; Lucas, Victor Ramos, Vitor Hugo e Zé Roberto; Gabriel e Robinho; Rafael Marques, Valdivia e Dudu; Gabriel Jesus.