Mais de 60 anos depois, Maracanã volta a ser palco da decisão da Copa

Em 1950, o estádio foi palco da partida que decidiu o torneio. Ele será o segundo a ter duas decisões do Mundial

Comentar
Compartilhar
16 MAI 201420h42

Repleta de paisagens naturais e com referências internacionalmente conhecidas como o Cristo Redentor e o Pão de Açúcar, a cidade do Rio de Janeiro sediará sete partidas do Mundial de futebol, incluindo a final, marcada para 13 de julho.

Os jogos serão disputados no Estádio do Maracanã que foi totalmente reformado e tem capacidade para receber 78,8 mil torcedores. O Maracanã vai sediar a final da Copa do Mundo 2014. Em 1950, o estádio foi palco da partida que decidiu o torneio. O estádio será o segundo a ter duas decisões do Mundial. O primeiro foi o Azteca, no México, em 1970 e 1986, segundo o Portal da Copa, site do governo brasileiro sobre a Copa do Mundo.

A prefeitura do Rio sugere aos torcedores o uso dos transportes públicos para a ida ao estádio e, em especial, o metrô. O Plano de Mobilidade do Rio segue o mesmo esquema usado na Copa das Confederações, com uma novidade - a inclusão dos ônibus que trafegam pelo corredor expresso BRT (sigla em inglês para ônibus de trânsito rápido) – que saem do Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro/Galeão - Antonio Carlos Jobim e deixam o torcedor na estação de metrô Vicente de Carvalho, na zona norte. De lá, é preciso pegar o metrô até o Maracanã.

O Maracanã voltará a ser palco da decisão de Copa do Mundo em 2014 (Foto: Vipcomm)