Em Penapólis, Verdão tenta quitar dívida de pontos perdidos em casa

Ganhar é cumprir a promessa que os jogadores fizeram entre si depois de perder do Corinthians

Comentar
Compartilhar
22 FEV 201510h10

Em seu segundo jogo consecutivo fora do Palestra Itália, o Palmeiras já tem a oportunidade de quitar a dívida dos pontos desperdiçados em seu estádio pelo Campeonato Paulista. Após duas derrotas sob seus domínios, o time já venceu o São Bento em Sorocaba, durante o Carnaval, e visita o Penapolense às 18h30 (de Brasília) deste domingo.

Ganhar é cumprir a promessa que os jogadores fizeram entre si depois de perder do Corinthians. “Perdemos o que tinha que perder, é passado. Agora são duas vitórias com um time ainda em formação. Não é todo dia que faremos grandes jogos. Mas sofrer também leva ao aprendizado”, falou Rafael Marques.

Além do Derby, o time também perdeu em seus casa para a Ponte Preta. Mas já se reabilitou batendo o Rio Claro no Palestra Itália e, neste fim de semana, busca a terceira vitória seguida. Apostando na arma do triunfo na estreia, diante do Grêmio Osasco Audax: semana livre para treinar.

“Pegamos como exemplo o primeiro jogo, quando tivemos um longo tempo para trabalhar a equipe em cima dos pontos fortes e negativos do adversário, como o Oswaldo gosta”, declarou Rafael Marques, que, mais uma vez, será reserva. 

Em seu segundo jogo consecutivo fora do Palestra Itália, o Palmeiras já tem a oportunidade de quitar a dívida dos pontos desperdiçados em seu estádio pelo Campeonato Paulista. Após duas derrotas sob seus domínios, o time já venceu o São Bento em Sorocaba, durante o Carnaval, e visita o Penapolense às 18h30 (de Brasília) deste domingo.  Ganhar é cumprir a promessa que os jogadores fizeram entre si depois de perder do Corinthians. “Perdemos o que tinha que perder, é passado. Agora são duas vitórias com um time ainda em formação. Não é todo dia que faremos grandes jogos. Mas sofrer também leva ao aprendizado”, falou Rafael Marques.  Além do Derby, o time também perdeu em seus casa para a Ponte Preta. Mas já se reabilitou batendo o Rio Claro no Palestra Itália e, neste fim de semana, busca a terceira vitória seguida. Apostando na arma do triunfo na estreia, diante do Grêmio Osasco Audax: semana livre para treinar.  “Pegamos como exemplo o primeiro jogo, quando tivemos um longo tempo para trabalhar a equipe em cima dos pontos fortes e negativos do adversário, como o Oswaldo gosta”, declarou Rafael Marques, que, mais uma vez, será reserva (Foto: Ag Palmeiras)

Na busca pela trinca, o Verdão não poderá contar com Arouca. Oswaldo planejava promover a estreia do volante neste domingo, mas preferiu lhe dar mais uma semana treinando. Em relação ao time que bateu o São Bento, Tobio - já recuperado dos problemas físicos - deve voltar aos onze iniciais na vaga de Jackson, formando dupla com Vitor Hugo. Já Zé Roberto, que atuou em Sorocaba (SP), mas foi poupado de treinos durante a semana por incômodo muscular, dará lugar a João Paulo na lateral esquerda.

A formação escolhida terá a missão de enfrentar o time que inicia a sexta rodada do Estadual com a segunda pior campanha da competição. O Penapolense só somou dois pontos, com dois empates e três derrotas. O clube espera, ao menos, lucrar com a bilheteria, já que a expectativa da diretoria é de público recorde no estádio Tenente Carriço.

Em campo, o técnico Paulo César Gusmão deve fazer mudanças na escalação para conseguir a primeira vitória. O lateral direito João Lucas sente dores lombares e deve ser trocado por Bruninho, e o atacante Crislan volta de suspensão no lugar de Léo ou Diego Rosa.

FICHA TÉCNICA
PENAPOLENSE X PALMEIRAS

Local: Estádio Tenente Carriço, em Penápolis (SP)
Data: 22 de fevereiro de 2015, domingo
Horário: 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Leandro Bizzio Marinho (SP)
Assistentes: Risser Jarussi Corrêa e Rafael Tadeu Alves de Souza (ambos de SP)

PENAPOLENSE: Leandro Santos; Arnaldo, Jailton, Gualberto e Bruninho; Gilmak, Washington, Ronaldo Mendes e Rafael Costa; Diego Rosa (Crislan) e Léo (Crislan)
Técnico: PC Gusmão

PALMEIRAS: Fernando Prass; Lucas, Tobio, Vitor Hugo e João Paulo; Gabriel e Robinho; Allione, Alan Patrick e Dudu; Cristaldo
Técnico: Oswaldo de Oliveira