Edenílson conversa com Tite e vira lateral direito de vez

Com o grupo cheio de opções no meio-campo, o volante que já foi meia virou definitivamente um lateral direito.

Comentar
Compartilhar
05 FEV 201323h12

A capacidade de atuar em várias posições ajudou bastante Edenílson no Corinthians. Porém, agora ições ajudou bastante Edenílson no Corinthians. Porém, agora com o grupo cheio de opções no meio-campo, o volante que já foi meia virou definitivamente um lateral direito, posição pela qual promete brigar nesta temporada.

“No começo do ano, eu conversei com o Tite. Ele comentou que fazer mais de uma função me ajuda e o ajuda em determinadas situações, mas falou que queria me firmar em um ponto. Como tive um bom desempenho na lateral, ele resolveu me firmar nessa função nos treinamentos e nos jogos”, disse o camisa 21.

No ano passado, Edenílson chegou a ganhar a posição de Alessandro antes de sofrer uma fratura no pé esquerdo. Aí o camisa 2 reassumiu sua vaga e, depois de quase entregar o ouro contra o Vasco, ficou na história como o capitão que ergueu as taças da Libertadores e do Mundial em 2012.

Alessandro começou bem este ano – no último jogo, deu duas assistências a Guerrero –, mas já está com 34 anos e planeja a aposentadoria para dezembro. Por isso, Tite quer deixar Edenílson, que tem só 23 anos, pronto para assumir a vaga, nesta ou na próxima temporada.

O Pretinho, como Emerson o chamou na festa pelo título mundial, terá mais uma chance de mostrar seu futebol na quarta-feira, contra o Botafogo. Alessandro está fora por desgaste muscular, algo que não deve ser incomum em um ano cheio de competições do Timão.

Edenílson espera um ano com menos lesões para brigar pela posição com Alessandro (Foto: Alan Morici/Agência O Dia)