Artilheiro do Santos, Gabriel revela buscar a evolução na equipe

Com 14 gols em 29 jogos na temporada, "Gabigol", como é carinhosamente chamado, foi um dos destaques da equipe no primeiro semestre

Comentar
Compartilhar
26 JUN 201420h33

Depois de Neymar e Paulo Henrique Ganso, o atacante Gabriel é o maior candidato a novo craque formado nas categorias de base do Santos. Artilheiro do clube na temporada com 14 gols em 29 jogos, "Gabigol", como é carinhosamente chamado, foi um dos destaques da equipe no primeiro semestre. Mas o jovem de 17 anos espera continuar melhorando seu futebol para o restante da temporada.

Após o recesso do elenco por conta da pausa nas competições oficiais durante a disputa da Copa do Mundo, o Santos iniciou na última quarta-feira uma intertemporada de treinos em São José dos Campos, no interior de São Paulo. Gabriel destacou o esforço de seus colegas nas atividades. "O Oswaldo de Oliveira (técnico do Santos) se reuniu conosco após o treino e disse que os trabalhos estão sendo muito bem feitos. Confiamos muito nele, e estamos sempre tentando melhorar", afirmou.

De acordo com o atacante, as atividades têm ajudado na sua evolução para disputar o Campeonato Brasileiro e a Copa do Brasil, as competições que o Santos participa no segundo semestre. "Tive um bom começo de temporada, mas agora é passado. Tenho que buscar tudo de novo e melhorar em vários aspectos", avaliou.

Além de Gabriel, o jovem elenco santista tem outros candidatos a craque como zagueiro Gustavo Henrique, o meia Geuvânio e os atacantes Stéfano Yuri, Victor Andrade e Giva. Destes, o mais experiente é Geuvânio, que tem 22 anos.

Gabriel já marcou 14 gols em 29 jogos em 2014 (Foto: Divulgação/Santos FC)

O Santos volta às competições oficiais no dia 17 de julho no clássico contra o Palmeiras pelo Campeonato Brasileiro. Depois de disputadas as primeiras nove rodadas do torneio, a equipe ocupa o 10.º lugar com 14 pontos, cinco atrás do líder Cruzeiro

De volta

O meia argentino Pato Rodriguez foi a grande novidade do treino do Santos nesta quinta. O jogador, que desde julho do ano passado estava por empréstimo no Estudiantes, da Argentina, se reintegrou ao elenco santista na intertemporada em São José dos Campos.

Com mais um ano de contrato com o time do litoral paulista, Pato fará um trabalho à parte de condicionamento físico nos próximos dias no estádio Martins Pereira, já que estava sem treinar há cerca de duas semanas. Após esse processo, ele trabalhará normalmente com o restante do elenco.

"Sempre foi minha vontade voltar ao Santos. Tive um aprendizado muito grande no Estudiantes, mas hoje volto muito feliz, mais maduro, mais adaptado e espero fazer muito mais pelo clube", disse o argentino, que marcou dois gols em 39 jogos em sua primeira passagem pelo Santos, além de ter participado do título da Recopa Sul-Americana de 2012.

De volta ao time da Vila Belmiro, Pato Rodríguez se cobra para um melhor desempenho e espera ser mais aproveitado pelo técnico Oswaldo de Oliveira. "Eu espero muito mais de mim e a torcida também. Aprendi muito no meu ano na Argentina e quero ajudar o Santos muito mais na minha volta", concluiu.