X

Diário Mais

14 baladas famosas que fecharam as portas e deixaram saudades em Santos

A vida noturna em Santos existe há mais de 100 anos, mas a maioria não resiste ao tempo; quais baladas marcaram sua juventude?

Luana Fernandes

Publicado em 01/03/2024 às 21:27

Atualizado em 06/03/2024 às 14:41

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Centro Histórico de Santos foi o ponto mais badalado dos anos 90 e 2000 / Divulgação

Siga as notícias do Diário do Litoral no Google Notícias

Bares e casas noturnas em Santos não estão conseguindo manter as portas abertas. Só na última semana, dois locais badalados na Cidade anunciaram o encerramento das atividades: Six Sportbar e SP90 Bar. Mas o comércio de lazer sofre há tempos, na maioria das vezes por conta de reclamações dos moradores vizinhos aos empreendimentos.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

Mas sem contar história triste, é possível relembrar o nome de pelo menos 20 casas noturnas que marcaram a memória dos santistas e demais baladeiros da Região. Moradores reclamando do barulho, falta de segurança, problemas financeiros ou de administração são sempre os motivos para o fechamento deste tipo de estabelecimentos.

Confira a lista de baladas que já fecharam as portas, mas marcaram a memória dos santistas:

Reggae Night

Uma das casas noturnas mais badaladas de Santos movimentou a noite dos Anos 90 e ainda é muito lembrada pela galera que subia até o Morro da Nova Cintra para curtir bons shows. A casa foi palco para a última apresentação do Legião Urbana, em 14 de janeiro de 1995. A balada encerrou as atividades 10 anos depois, em 2005.

Typographia

Uma das primeiras casas noturnas instaladas no Centro Histórico de Santos, o Typographia Brasil reuniu o melhor do samba e do pagode na Região. O estabelecimento funcionou por seis anos. A casa encerrou as atividades em maio de 2013 por não conseguir adaptar a arquitetura do local às diretrizes que o Corpo de Bombeiros determinou na época.

Meu Lugar Bar tem sua reinauguração marcada para essa quinta

Seven Disco

A Seven Disco, que funcionava na Avenida Senador Feijó, movimentava a noite santista em meados de 2010 com as melhores festas de house music, hip hop e sertanejo. O visual moderno e o tamanho da casa era o diferencial. 

Milk Club

A Milk Club era uma das baladas mais movimentadas do Centro Histórico de Santos lá em 2009. Com três ambientes - lounge, pista com 3 camarotes e área externa -, a casa noturna era um dos points mais procurados na Rua do Comércio. 

Mythos

A casa está entre os primeiros nomes de balada quando a galera jovem dos anos 2000 relembra os bons tempos. A Mythos, surgiu em agosto de 2000, na Rua Braz Cubas, no Centro de Santos, e tentava atrair todos os tipos de público. Em uma era sem redes sociais, o empreendimento foi pioneiro em misturar entretenimento com conteúdo.

Memórias de um bar torto em Santos

Torto Bar

Em 2017, após 33 anos, o Torto Bar fechava as portas e deixava a galera que curte um bom rock n’ roll sem lugar para se juntar. O motivo do fechamento do bar é o desinteresse por parte do proprietário de permanecer com o aluguel ativo. As tratativas para renovação do aluguel do espaço tiveram início ainda no final do ano passado, quando um aumento considerado por Michel ‘impraticável e fora dos padrões do mercado’ ameaçou a continuidade dos trabalhos.

Lofty

No final dos anos 80, a Lofty era a sensação da Avenida Ana Costa, no Gonzaga. A galera 40+ com certeza deve lembrar da discoteca, que reunia jovens de todas as tribos.

Point 44

Antes do Six Sportbar, que encerrou as atividades na última semana, o local abrigava o Point 44, que fechou em 2018 para começar uma ampla reforma e ceder espaço para um novo conceito. 

Breezy

Jovens e adolescentes nos anos 2000, com certeza, tem boas memórias das tardes e noites na casa noturna que funcionava na Avenida Francisco Glicério. Por muitos anos, o local foi o preferido entre os jovens da época e causava um verdadeiro alvoroço entre a Avenida Ana Costa e o Canal 2.

Capital Disco

Shows com nomes renomados era o carro-chefe da Capital Disco, que por 10 anos foi um dos principais empreendimentos do Mendes Convention Center, na Avenida Conselheiro Nébias. A casa de shows junto com o conglomerado de eventos, fechou as portas em 2020 e deu lugar a um complexo de lojas. Uma delas a Leroy Merlin.

Dom Room

A casa noturna famosa em meados de 2013 ficou conhecida como a balada dos amigos do Neymar. O jogador, no auge do seu romance com a atriz Bruna Marquezine, chegou a prestigiar o local com a amada. O empreendimento, situado na Avenida Senador Feijó, recebeu grandes nomes da música como MC Catra, Ferrugem, Mumuzinho e Filipe Ret, um dos últimos shows apresentados pela casa, em agosto de 2016.

Pelikanos

Nos anos 2000, os amantes das rodas de samba tinham o Pelikanos Café como opção. Quem passava pela Avenida Presidente Wilson, na orla da praia de Santos, via de longe a fila dos baladeiros de plantão daquela época. Alguns nomes no funk regional como MC Careca, MC Primo e Duda do Marapé gravaram alguns de seus hits, ao vivo, na casa noturna.

Internet Bar

O Internet Bar foi criado nos anos 2000, virou Net Bar e reunia uma galera fã de boa música e rock n’ roll. A casa, que funcionava na Rua Floriano Peixoto, fechou as portas em dezembro de 2012. Um dos destaques era a Quinta Queen, uma das poucas festas dedicadas ao público LGBTQIA+ na época.

GivClub

Os fãs de música eletrônica se despediram do GivClub em janeiro de 2012. Várias atrações passaram por lá, inclusive DJs internacionais, como Frank Beckers e Chris Lake e nacionais como Killer on the Dancefloor e Carlo Dall’Anese, entre outros. O casarão da Avenida Ana Costa, onde era situado, foi destinado a um novo empreendimento imobiliário.

A gente sabe que muitas outras baladas marcaram a vida noturna dos nossos leitores: Cachaça Brasil, Praia Sport Bar, Mistura Fina, Bar do 3, entre outros. Conta para a gente! Quais casas noturnas marcaram a sua memória?
 

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Cotidiano

Confira o resultado da Mega-Sena no concurso 2727, nesta terça (21)

O prêmio é de R$ 37.000.000,00

Cotidiano

Confira o resultado da Lotofácil no concurso 3109, nesta terça (21)

O prêmio é de R$ 1.700.000,00

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter