Santos atinge 90% da frota de ônibus com ar-condicionado

A marca será atingida com a circulação de mais 39 novos carros (modelo convencional) climatizados

Comentar
Compartilhar
13 MAI 2019Por Da Reportagem17h45
Alguns coletivos foram expostos nesta segunda-feira (13), na Praça MauáFoto: Divulgação/PMS

Até o final da próxima semana, Santos terá 245 ônibus municipais equipados com ar-condicionado, número correspondente a 90% da frota operacional.

A marca será atingida com a circulação de mais 39 novos carros (modelo convencional) climatizados. Alguns desses coletivos foram expostos nesta segunda-feira (13), na Praça Mauá.

A Prefeitura e a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET-Santos), junto à permissionária do serviço, promoveram a apresentação, no final da manhã. Todos os ônibus também já chegam equipados com sistema de wi-fi gratuito.

Ao destacar que a renovação da frota faz parte do plano de modernização do transporte coletivo municipal, o prefeito Paulo Alexandre Barbosa informou que em 30 dias outros 15 novos veículos (micro-ônibus) vão entrar em circulação e Santos totalizará 95% da frota operacional (total de 273 veículos) climatizada.

"Isso sem que haja custo a mais para o usuário, como ocorre em outras cidades, e sem qualquer subsídio da Prefeitura ao sistema", ressaltou o chefe do Executivo. 

Meta

Em 2013, a Administração Municipal anunciou plano para renovação e modernização do sistema de transporte público, iniciando, entre outras melhorias, a implantação da climatização da frota. A meta estabelecida pelo governo era atingir 100% até 2020.

Atualmente, a Cidade está entre os municípios brasileiros com maior índice de coletivos com ar-condicionado, à frente inclusive de capitais. A idade média dos coletivos, de apenas 3,4 anos, também é outro diferencial qualitativo do serviço santista. 

Colunas

Contraponto