Prefeitura de Praia Grande intensifica ação contra invasões

Mais de 70 casos foram evitados em áreas verdes da Cidade. No mês passado, foram demolidos 32 barracos

Comentar
Compartilhar
06 MAR 201319h47

O setor de Contenção de Invasões, da Secretaria de Urbanismo de Praia Grande (Seurb), registrou 76 ações contra grupos que tentaram se instalar em áreas de preservação ambiental da Cidade, em fevereiro. O número supera o do ano passado, quando houve 68 ocorrências semelhantes no mesmo período. Além demolir barracos, equipes fazem vigilância constante e a Guarda Civil Municipal está treinando novos integrantes para Grupamento Ambiental.

No mês passado, foram demolidos 32 barracos e 15 cercas foram desmontadas, em áreas públicas ou de preservação ambiental. Algumas das ações aconteceram em locais de difícil acesso, como matas fechadas e margens de rios.

De acordo com o secretário de Urbanismo, Arnaldo Amaral, as equipes estão atentas a todas as denúncias. “Não podemos permitir que mais pessoas se instalem ilegalmente no Município, causando danos ao meio ambiente e, ao mesmo tempo, vivendo de forma desumana, em locais impróprios e de difícil acesso”, destacou.

Algumas das ações aconteceram em locais de difícil acesso (Foto: Divulgação)

De acordo com informações da Seurb, a maioria das invasões é realizada por pessoas de municípios vizinhos. Durante as ações, o setor de Contenção de Invasões conta com o apoio do Grupamento Ambiental, da Guarda Civil Municipal. Para isso, a corporação está dando um curso para qualificar mais integrantes para a equipe.

Denúncias

Os munícipes podem denunciar as construções irregulares e invasões de áreas públicas e de preservação ambiental. Basta ligar para a Seurb pelos telefones 3496-2074 ou 3496-2296. A denúncia também pode ser feita por meio do Grupamento Ambiental, da Guarda Civil Municipal. O telefone é 199 e funciona 24 horas.