Prefeitos da Região discutem medidas mais duras contra a Covid-19 em reunião

Os chefes dos executivos locais manifestaram preocupação em relação à antecipação de feriados na cidade de São Paulo e os reflexos desta ação na Baixada Santista

Comentar
Compartilhar
18 MAR 2021Por Da Reportagem20h43
Um possível lockdown na região não está descartadoUm possível lockdown na região não está descartadoFoto: Nair Bueno/DL

Os prefeitos da Baixada Santista participaram na tarde desta quinta-feira (18), por videoconferência, de reunião do Conselho de Desenvolvimento da Região Metropolitana da Baixada Santista (Condesb), para decidir novas medidas, mais restritivas, de combate ao avanço da pandemia de Covid-19. Um possível lockdown também está em estudo.

Os chefes dos executivos, que voltam a se reunir nesta sexta (19), manifestaram preocupação em relação à antecipação de feriados na cidade de São Paulo e os reflexos desta ação na Baixada Santista. A medida anunciada hoje (18) pelo prefeito Bruno Covas (PSDB) pode trazer mais turistas à região em um dos momentos mais graves da pandemia.

Os municípios reiteraram o pedido ao Governo do Estado de São Paulo para a realização de barreiras orientativas nas estradas, o reforço no policiamento e a manutenção do cancelamento da operação descida no Sistema Anchieta-Imigrantes.