Número de crianças mortas em acidentes domésticos diminui

O número caiu de 868 em 2000 para 595 em 2010, o que representa redução de 31%.

Comentar
Compartilhar
08 DEZ 201219h24

O País teve queda nos óbitos de crianças de até 10 anos de idade por acidentes domésticos na última década, segundo dados divulgados pelo Ministério da Saúde.

O número caiu de 868 em 2000 para 595 em 2010, o que representa redução de 31%.

As principais causas de mortes foram os riscos acidentais à respiração (como sufocação na cama, asfixia com alimentos e outros), seguidos pelos afogamentos.

Colunas

Contraponto