X

Cotidiano

Guarujá investe mais de 25% do orçamento no atendimento em Saúde

A informação foi passada durante reunião entre o prefeito e o Conselho Municipal de Saúde, no Paço Moacir dos Santos Filho

Da Reportagem

Publicado em 18/02/2024 às 19:30

Atualizado em 19/02/2024 às 12:55

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Para tratar desse e demais assuntos relacionados ao atendimento à população usuária do Sistema Único de Saúde (SUS) na Cidade, o prefeito de Guarujá, recebeu os membros do Conselho Municipal de Saúde no Paço Moacir dos Santos Filho / Divulgação/Prefeitura do Guarujá

Dos mais de 287 mil habitantes de Guarujá, conforme último Censo, 271 mil utilizam os serviços da rede municipal de saúde. Para atender toda a demanda, a Prefeitura não mede esforços e aplica 26% do Orçamento Municipal na política pública de Saúde, investindo 11% a mais do que é preconizado pela Constituição Federal, que prevê a destinação de 15% do Tesouro Municipal.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

Para tratar desse e demais assuntos relacionados ao atendimento à população usuária do Sistema Único de Saúde (SUS) na Cidade, o prefeito de Guarujá, recebeu os membros do Conselho Municipal de Saúde no Paço Moacir dos Santos Filho, na manhã da última quinta-feira (15).

O chefe do Executivo pontua que a Saúde é o ‘calcanhar de Aquiles’ de qualquer gestor. “Temos uma população em que 90% depende da rede municipal de saúde. Por isso, nosso dever é darmos a atenção que os munícipes precisam. Esta é uma Secretaria desafiadora e vocês, conselheiros, são também fiscalizadores”.

O presidente do Conselho Municipal de Saúde, José Carlos Simões, aproveitou a oportunidade para falar da importância de manter o diálogo com a Secretaria de Saúde. “A aproximação com a Secretaria é fundamental. E o papel do Conselho é este: trabalhar junto e, também, verificando o que não está legal, para melhoria do sistema”.

Atendimento em Saúde é prioridade

O secretário municipal de Saúde, relatou que o Município não tem medido esforços para garantir os investimentos. “A Saúde sempre foi uma prioridade para o prefeito. O Município deveria, obrigatoriamente, destinar 15% do seu orçamento em saúde, mas efetivamente os gastos em saúde totalizaram 26% do orçamento em 2023”, conta.

O titular da pasta fez um balanço referente ao segundo quadrimestre de 2023. O conteúdo reuniu serviços, aplicação de recursos, despesas, folha de pagamentos, fornecedores, volume de atendimentos, insumos e materiais, de todos os serviços disponíveis na rede municipal.

Apoie o Diário do Litoral
A sua ajuda é fundamental para nós do Diário do Litoral. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós do Diário do Litoral temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para o Diário do Litoral continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

ESPORTE REGIONAL

Portuários Stadium reúne crianças e adolescentes com o ThaiKids em Santos

Evento acontece no próximo dia 27

Polícia

Homem é esfaqueado em briga no Atacadão, em Santos

O caso ocorreu no Atacadão da Avenida Nossa Senhora de Fátima, no bairro Chico de Paula.

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter