Força Tarefa de Guarujá impede pistões e aglomerações no final de semana

Entre as ocorrências, festas clandestinas (pistões), eventos irregulares e fiscalização em praias isoladas da Cidade

Comentar
Compartilhar
12 ABR 2021Por Da Reportagem15h23
Na noite da última sexta-feira (9), a equipe encerrou um pistão na Praça Mário Covas, no bairro do MorrinhosNa noite da última sexta-feira (9), a equipe encerrou um pistão na Praça Mário Covas, no bairro do MorrinhosFoto: Divulgação/PMG

A Diretoria de Força Tarefa de Guarujá realizou diversas diligências no final de semana para coibir festas clandestinas e aglomerações na Cidade, com intuito de evitar a propagação da covid-19. Entre as ocorrências, festas clandestinas (pistões), eventos irregulares e fiscalização em praias isoladas da Cidade.

Na noite da última sexta-feira (9), a equipe encerrou um pistão na Praça Mário Covas, no bairro do Morrinhos. Cerca de 300 pessoas estavam no local. Ao avistarem as viaturas, as pessoas saíram em retirada, arremessando pedras e garrafas contra a equipe. Nenhum agente ficou ferido. Já no sábado (10), no mesmo local, um evento irregular de pipa foi paralisado. Havia aproximadamente 200 pessoas.

Paralelamente, foi realizada uma operação na Praia do Goes, com retorno de embarcações no mar. Já em terra, as pessoas que estavam na trilha e também na faixa arenosa foram retiradas. Ainda no sábado, mais um pistão foi interrompido no Morro do Engenho.No domingo, a equipe esteve em outra praia isolada, conhecida com o Saco do Major e, no local, os agentes dispersaram diversas pessoas.

Já em Vicente de Carvalho, um pistão foi paralisado e um bar multado em R$ 3.242,60 reais. Quando os agentes chegaram ao local, constataram que o bar estava em pleno funcionamento. Além de desrespeitar os decretos restritivos sobre a pandemia, não possuía alvará. Foi lavrado um auto de infração por falta de alvará de funcionamento, um termo de apreensão de som, e um termo de apreensão de bebidas, por estarem sendo comercializadas irregularmente.