X

Bruno Orlandi

ZPE: Uma Perspectiva de Desenvolvimento Econômico

Santos é uma cidade que possui sua história profundamente entrelaçada com o comércio marítimo e a atividade portuária. Mas como aproveitar a expansão dessas atividades e garantir a competitividade internacional do nosso Porto?

É nesse contexto que a Zona de Processamento de Exportação (ZPE) surge como uma resposta estratégica para impulsionar o desenvolvimento econômico da região e reindustrialização do Estado de São Paulo, capitalizando a posição privilegiada de Santos como sede do maior porto do Hemisfério Sul.

A área continental de Santos se destaca como a escolha ideal para sediar essa iniciativa, oferecendo uma sinergia única entre a infraestrutura portuária estabelecida e um potencial de crescimento econômico sustentável.

Uma Zona de Processamento de Exportação (ZPE) é uma área delimitada pelo governo federal com o objetivo de facilitar a produção de bens destinados à exportação. Empresas localizadas nessas zonas recebem incentivos fiscais especiais, tornando-se atrativas para aquelas que desejam produzir mercadorias com valor agregado para exportação.

A instalação de uma ZPE em Santos é crucial devido à localização estratégica da cidade; a proximidade entre a ZPE e o Porto de Santos facilita a integração logística, reduzindo custos e prazos de transporte. Além disso, Santos possui uma infraestrutura favorável e excelente acessibilidade rodoferroviária e aquaviária, o que a torna um polo atrativo para investimentos desse tipo.

A Secretaria de Assuntos Portuários e Emprego tem desempenhado um papel fundamental no planejamento e na viabilização da ZPE em Santos. Através do Ministério de Portos e Aeroportos, foi encomendado um estudo de viabilidade econômica à INFRA S.A. para embasar a tomada de decisão.

O objetivo é atrair indústrias de alto valor agregado e baixo impacto ambiental para a ZPE de Santos, visando criar cada vez mais oportunidades de emprego e também promover o desenvolvimento econômico sustentável da região. É importante destacar que a indústria de exportação gera 4 vezes mais empregos que a indústria convencional.

A implantação da ZPE irá impactar significativamente o desenvolvimento econômico de Santos e do estado de São Paulo como um todo. A geração de empregos diretos e indiretos será expressiva, estimulando o crescimento da economia local e proporcionando oportunidades de trabalho para a população. Além disso, a presença de indústrias de alto valor agregado contribuirá para a reindustrialização do estado de São Paulo, fortalecendo o setor produtivo e aumentando a competitividade no mercado global.

Em suma, a implementação de uma Zona de Processamento de Exportação em Santos representa uma oportunidade única para impulsionar o desenvolvimento econômico, gerar empregos e promover o crescimento sustentável da região e do estado de São Paulo, contribuindo para a reindustrialização do Brasil. É o Porto de Santos gerando cada vez mais empregos.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Variedades

Cuidado! Conheça os riscos de um beijo

Especialista revela problemas que o ato pode causar

Guarujá

Caminhão pega fogo em Guarujá; VÍDEO

De acordo com nota da Prefeitura da cidade, ninguém ficou ferido

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter