X

Bruno Orlandi

ZPE: Uma Perspectiva de Desenvolvimento Econômico

Santos é uma cidade que possui sua história profundamente entrelaçada com o comércio marítimo e a atividade portuária. Mas como aproveitar a expansão dessas atividades e garantir a competitividade internacional do nosso Porto?

É nesse contexto que a Zona de Processamento de Exportação (ZPE) surge como uma resposta estratégica para impulsionar o desenvolvimento econômico da região e reindustrialização do Estado de São Paulo, capitalizando a posição privilegiada de Santos como sede do maior porto do Hemisfério Sul.

A área continental de Santos se destaca como a escolha ideal para sediar essa iniciativa, oferecendo uma sinergia única entre a infraestrutura portuária estabelecida e um potencial de crescimento econômico sustentável.

Uma Zona de Processamento de Exportação (ZPE) é uma área delimitada pelo governo federal com o objetivo de facilitar a produção de bens destinados à exportação. Empresas localizadas nessas zonas recebem incentivos fiscais especiais, tornando-se atrativas para aquelas que desejam produzir mercadorias com valor agregado para exportação.

A instalação de uma ZPE em Santos é crucial devido à localização estratégica da cidade; a proximidade entre a ZPE e o Porto de Santos facilita a integração logística, reduzindo custos e prazos de transporte. Além disso, Santos possui uma infraestrutura favorável e excelente acessibilidade rodoferroviária e aquaviária, o que a torna um polo atrativo para investimentos desse tipo.

A Secretaria de Assuntos Portuários e Emprego tem desempenhado um papel fundamental no planejamento e na viabilização da ZPE em Santos. Através do Ministério de Portos e Aeroportos, foi encomendado um estudo de viabilidade econômica à INFRA S.A. para embasar a tomada de decisão.

O objetivo é atrair indústrias de alto valor agregado e baixo impacto ambiental para a ZPE de Santos, visando criar cada vez mais oportunidades de emprego e também promover o desenvolvimento econômico sustentável da região. É importante destacar que a indústria de exportação gera 4 vezes mais empregos que a indústria convencional.

A implantação da ZPE irá impactar significativamente o desenvolvimento econômico de Santos e do estado de São Paulo como um todo. A geração de empregos diretos e indiretos será expressiva, estimulando o crescimento da economia local e proporcionando oportunidades de trabalho para a população. Além disso, a presença de indústrias de alto valor agregado contribuirá para a reindustrialização do estado de São Paulo, fortalecendo o setor produtivo e aumentando a competitividade no mercado global.

Em suma, a implementação de uma Zona de Processamento de Exportação em Santos representa uma oportunidade única para impulsionar o desenvolvimento econômico, gerar empregos e promover o crescimento sustentável da região e do estado de São Paulo, contribuindo para a reindustrialização do Brasil. É o Porto de Santos gerando cada vez mais empregos.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Guarujá

Caçando Trampo? PAT de Guarujá está 70 vagas nesta quarta (22)

Atendimento é realizado na Avenida Santos Dumont, 1.586, no Pae Cará, em Vicente de Carvalho

Santos

Embaré ganhará novo espaço Pet, em Santos

Intervenções no local estão em andamento, seguindo cronograma de serviços da Prefeitura Regional da Zona da Orla e Intermediária (ZOI)

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter