X

SANTOS

Santos suspende vacinação de crianças de 3 e 4 anos de idade contra a covid-19

Há cinco semanas o Município não recebe novas remessas de Pfizer Pediátrica, CoronaVac e AstraZeneca

Da Reportagem

Publicado em 09/01/2023 às 18:46

Atualizado em 09/01/2023 às 19:09

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

No Brasil, a vacina que protege contra o HPV foi incorporada de forma escalonada pelo Sistema Único de Saúde (SUS) em 2014 / José Cruz / Agência Brasil

A cidade de Santos suspende a vacinação de crianças de 3 e 4 anos de idade contra a covid-19 a partir desta terça-feira (10) devido à falta do imunizante Pfizer Pediátrica, o único autorizado no momento para ser aplicado nesta faixa etária pelo Governo do Estado de São Paulo. Os estoques de AstraZeneca e Janssen também estão zerados. A vacina CoronaVac (que pode ser utilizada a partir de 5 anos de idade) apresenta baixo estoque.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

Há cinco semanas o Município não recebe novas remessas de Pfizer Pediátrica, CoronaVac e AstraZeneca. A Secretaria de Saúde de Santos realiza remanejamentos de doses remanescentes entre as unidades para evitar desassistência.

Com relação à Pfizer adulto (oferecida a partir de 12 anos de idade) e Pfizer Baby (para crianças de 6 meses a menores de 3 anos com comorbidades), os estoques estão normalizados, devido a entregas regulares.

Na última sexta-feira (6), o Ministério da Saúde divulgou que está renegociando prazos de entrega e fluxos de distribuição da vacina Pfizer pediátrica e que a expectativa é de que a situação esteja normalizada até o final de janeiro.

 

ESQUEMA DE VACINAÇÃO

A vacinação contra a covid-19 em Santos é realizada de segunda a sexta-feira, das 8 às 16h, e aos finais de semana, das 9h às 15h30, em unidades divulgadas às sextas-feiras. Para ter acesso à vacinação, é necessário apresentar comprovante de residência em Santos, CPF e documento com foto.

Para a campanha da covid-19 para crianças de 6 meses a menores de 3 anos com comorbidades, é utilizada a mesma programação da vacina contra a BCG, devido à quantidade limitada de doses.

Às segundas-feiras, a vacinação acontece nas unidades Alemoa (Rua Afonsina Proost de Souza s/nº); Areia Branca (Rua Francisco Lourenço Gomes, 118); Morro José Menino (Rua Dr. Carlos Alberto Curado, 77A); Ponta da Praia (Praça 1º de Maio s/nº); Vila Mathias (Rua Xavier Pinheiro, 284) e Santa Maria (Rua 10 s/nº).

Às terças-feiras, nas policlínicas Caruara (Rua Andrade Soares s/nº); Embaré (Praça Coronel Fernando Prestes s/nº); Marapé (Rua São Judas Tadeu, 115); Martins Fontes (Rua Luiza Macuco, 40); Monte Serrat (Praça Correa de Melo s/nº); Rádio Clube (Av. Hugo Maia s/nº) e Monte Cabrão (Av. Principal s/nº).

Às quartas-feiras, nas unidades Bom Retiro (Rua João Fraccaroli s/nº); Conselheiro Nébias (Av. Conselheiro Nébias, 457 Encruzilhada); Campo Grande (Rua Carvalho de Mendonça, 607); Nova Cintra (Rua José Ozéas Barbosa s/nº); São Bento (Rua das Pedras s/nº); Vila Progresso (Rua Três, casas 1 e 2); Vila Nova (Praça Iguatemi Martins s/nº) e São Jorge e Caneleira (Rua Francisco Ferreira Canto, 351)

Às quintas-feiras, nas policlínicas Aparecida (Av. Pedro Lessa, 1.728); Castelo (Rua Francisco de Barros Melo, 184); Gonzaga (Rua Assis Correia, 17); Jabaquara (Rua Vasco da Gama, 32) e Valongo (Rua Prof. Maria Neusa Cunha s/nº).

Às sextas-feiras, nas unidades Penha (Rua Três, 150); Pompeia/José Menino (Rua Ceará, 11); São Manoel (Praça Nicolau Geraigire s/nº).

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Diário Mais

Mau presságio? Branqueamento de corais pode ser sinal da morte dos oceanos; entenda

Estruturas são a base do Oceano

Nacional

Não perca as contas: você sabe quantas vezes o cantor Fábio Jr. se casou?

A lista é bem extensa e pode confundir os fãs

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter